Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Hora 7
Publicidade

Sangue frio: mulher mata o marido com soníferos e coloca o cadáver no freezer

Rebecca Payne foi condenada, mas pede redução de pena alegando que era violentava e traída constantemente

Hora 7|Matheus Borges*, do R7

Uma mulher foi acusada de dopar seu marido com soníferos no leite e matá-lo na sequência. Depois de tirar a vida do homem, ela colocou o corpo dentro de um freezer. O caso aconteceu em Walepup, no norte da Austrália e a suspeita não negou nenhuma das acusações.

Rebecca Payne, de 43 anos, foi considerada culpada em março deste ano, mas recorreu e pede a redução de pena, alegando que cometeu o assassinato porque sofria abusos físicos e psicológicos dentro de casa.

O caso aconteceu em setembro de 2020, mas os médicos australianos não conseguiram precisar se o homem de 68 anos havia morrido por causa dos soníferos ou se havia sido sufocado depois de ficar preso no freezer.

A criminosa afirmou ao tribunal que seu marido a traia constantemente e que tinha até mesmo levado outra mulher que tinha na época para morar na casa deles. Ele também teria estuprado outras duas meninas.

Publicidade
Esposa alegou que marido era abusivo dentro de casa
Esposa alegou que marido era abusivo dentro de casa Esposa alegou que marido era abusivo dentro de casa

Os advogados de defesa ainda mostraram que o corpo de Rebecca possui 18 tatuagens com o nome de seu marido em uma demonstração distorcida de comportamento possessivo.

*Sob supervisão de Odair Braz Jr.

Chocante! Homem mata namorada, esconde corpo em freezer e mora com outra mulher

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.