Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Beryl volta a ganhar força e deve atingir o Texas com ventos de 136 km/h

Reclassificado como uma tempestade tropical quando chegou ao México, sistema pode se tornar um furacão de categoria 1

Internacional|Do R7


Furacão Beryl já provocou estragos e mortes em ilhas do Caribe Matthew Dominick/NASA

A tempestade tropical Beryl se mantém no golfo do México com ventos de 96 km/h, mas deve voltar a ser um furacão (ventos acima de 119 km/h) e atingir a costa do estado americano do Texas na manhã de segunda-feira (8).

O Beryl provocou mais de dez mortes e deixou um rastro de destruição em ilhas do Caribe por onde passou como furacão de categoria 4 e 5 desde o começo desta semana — Granada, São Vicente e Granadinas, Jamaica e Ilhas Cayman.

O sistema tocou o solo na península de Yucatán (México) na quinta-feira (4) já como uma tempestade tropical. Neste sábado (6), a região ainda é afetada por grandes volumes de chuva.

O Centro Nacional de Furacões dos EUA prevê que o Beryl chegue à costa do Texas com ventos de 136 km/h (furacão de categoria 1) por volta das 7h (hora local; 5h, no horário de Brasília) de segunda-feira.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.