Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

'El Chapo' é considerado culpado e deve pegar prisão perpétua

Traficante mexicano recebeu o veredicto após pouco mais de três meses de julgamento em uma corte federal de Nova York (EUA)

Internacional|Fábio Fleury, do R7

Joaquín 'El Chapo' Guzmán foi considerado culpado nesta terça
Joaquín 'El Chapo' Guzmán foi considerado culpado nesta terça Joaquín 'El Chapo' Guzmán foi considerado culpado nesta terça

O traficante mexicano Joaquín "El Chapo" Guzmán foi considerado culpado em seu julgamento na Corte Federal no Brooklyn, em Nova York (EUA). O veredicto foi anunciado na tarde desta terça-feira (12).

Guzmán foi considerado culpado por unanimidade em 10 acusações diferentes, contendo 27 crimes, incluindo tráfico de drogas, conspiração e lavagem de dinheiro, além de diversas mortes que ele teria encomendado durante os anos em que liderou o cartel de Sinaloa.

Ele deve ser condenado à prisão perpétua pelo juiz federal Brian Cogan. O júri, formado por oito mulheres e quatro homens, chegou à decisão após mais de uma semana de deliberações.

Segundo repórteres que cobrem o julgamento, o mexicano pareceu atordoado ao ouvir a decisão dos juízes e fez acenos com a cabeça para sua esposa, Emma Coronel Aispuro, antes de ser escoltado para fora da sala de audiências.

Publicidade

Meses no tribunal

Leia também

Durante os mais de três meses de julgamento, os jurados — que não tiveram suas identidades reveladas e foram escoltados durante todo o período — ouviram 56 testemunhas, dos quais 14 eram ex-colaboradores ou pessoas próximas a Chapo, como sua ex-amante, que fizeram acordos de leniência com os promotores.

Publicidade

Entre as centenas de provas exibidas contra Chapo estavam centenas de mensagens de texto e ligações gravadas, livros com registros detalhados que ele mesmo fez e até mesmo um carrinho cheio de armas, dentre as quais se destacava uma pistola com o cabo cravejado de diamantes e as iniciais JGL: Joaquín Guzmán Loera.

Reações dos advogados

Publicidade

Após a divulgação do resultado, o procurador Richard Donoghue declarou que o veredicto é uma "vitória para cada família norte-americana que perdeu alguém para o buraco negro do vício em drogas".

O advogado Jeffrey Lichtman, que fazia parte da equipe de defesa de Chapo, disse que eles irão apelar do resultado e que ele e seus colegas lutaram "como selvagens em um campo de batalha".

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.