Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Furacão Beryl deve tocar o solo no México nas próximas horas, com ventos de 175 km/h

Tempestade já provoca grandes volumes de chuva em região turística do país; ondas podem chegar a 8 m de altura

Internacional|Do R7


Furacão Beryl já provocou estragos e mortes em ilhas do Caribe Matthew Dominick/NASA

O Serviço Meteorológico Nacional do México prevê que o furacão Beryl toque o solo no balneário turístico de Tulum, na manhã desta sexta-feira (5), com ventos de 175 km/h (categoria 2) e rajadas de até 215 km/h.

Os impactos do furacão, todavia, já começaram a ser sentidos na península de Yacatán durante a madrugada. Foram registradas chuvas torrenciais com volumes de 75 mm a 250 mm em algumas localidades.

Áreas costeiras foram colocadas sob alerta de elevação do nível do mar, com ondas que podem chegar de 6 m a 8 m.

O furacão Beryl atingiu a Jamaica na quarta-feira (3), onde causou destruição e morte. Autoridades afirmam que 60% da ilha ficou sem energia elétrica. Também houve interrupções no fornecimento de água e nos serviços de telecomunicações.

Publicidade

No começo da semana, o furacão havia causado estragos e vitimado pessoas nas ilhas de São Vicente e Granadinas e Granada. Já são pelo menos dez óbitos na passagem do Beryl pelo Caribe.

O Beryl começou sua trajetória como um furacão de categoria 5, sendo o mais precoce a atingir essa proporção em uma temporada — normalmente, furacões mais destrutivos surgem a partir de agosto.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.