Internacional Multidão se reúne em Kiev para assistir ao funeral de soldado ícone do movimento pró-europeu

Multidão se reúne em Kiev para assistir ao funeral de soldado ícone do movimento pró-europeu

Roman Ratuchny morreu em combate contra as tropas russas na região de Kharkiv, no norte da Ucrânia

AFP
Centenas de pessoas se reúnem em Kiev para assistir ao funeral de Roman Ratuchny

Centenas de pessoas se reúnem em Kiev para assistir ao funeral de Roman Ratuchny

Reprodução/Twitter @dobronosov_yan @myroslavapetsa

Centenas de pessoas se reuniram no Mosteiro de São Miguel das Cúpulas Douradas, no centro de Kiev, neste sábado (18), para assistir ao funeral de Roman Ratuchny, de 24 anos, ativista ucraniano e ícone do movimento pró-europeu na praça Maidan.

O jovem morreu em 9 de junho perto de Izium, na região de Kharkiv, no norte da Ucrânia, onde as forças ucranianas lutam contra o Exército russo que invadiu o país em 24 de fevereiro.

Quatro soldados carregaram o caixão no meio da multidão e na presença de vários outros combatentes. O caixão foi colocado na entrada do mosteiro e a cerimônia fúnebre foi realizada do lado de fora.

Centenas de pessoas assistiram à cerimônia em silêncio, algumas com flores, outras com uma bandeira ucraniana nas costas, segundo um jornalista da AFP.

Um comício está programado na praça da Independência de Kiev (Maidan, em ucraniano), e o caixão será depositado no cemitério de Baikové, no sul da capital, onde muitos ucranianos proeminentes estão enterrados.

Ratuchny foi um dos primeiros estudantes a protestar na praça da Independência, no fim de 2013, onde mais tarde se iniciou o movimento de protesto pró-europeu, conhecido como Euromaidan. Essa mobilização levou à saída do então presidente, o pró-russo Viktor Yanukovych, em 2014.

Estudantes ucranianos fazem ensaio de formatura em meio à destruição da guerra

Últimas