Boletim JR 24H Operação de combate à violência contra a mulher prendeu quase 13.000 homens em dois meses 

Operação de combate à violência contra a mulher prendeu quase 13.000 homens em dois meses 

A maioria das denúncias teve como origem o estado de São Paulo

Quase 13.000 homens foram presos numa operação de combate à violência contra a mulher no país. As prisões foram por agressão e feminicídio. A maioria das denúncias, feitas pelo telefone da Polícia Civil, teve como origem o estado de São Paulo, de onde surgiram quase 1.000 queixas. A operação ocorreu entre agosto e setembro. Nesse período, mais de 58 mil boletins de ocorrência foram registrados.  Nesta edição do Boletim JR 24 horas, veja também: Preço do feijão e do leite cai em doze capitais do país.

Últimas