JR na TV Conheça o Jornal da Record, primeiro multiplataforma no segmento

Conheça o Jornal da Record, primeiro multiplataforma no segmento

Telejornal tem formato inédito na RECORD com cinco boletins ao longo do dia, além de conteúdo exclusivo para outras plataformas

  • JR na TV | Do R7

Christina Lemos e Celso Freitas apresentam o Jornal da Record

Christina Lemos e Celso Freitas apresentam o Jornal da Record

Divulgação/RECORD

Como parte das celebrações do seu 66º aniversário, no dia 27 de setembro de 2019, a RECORD lançou um projeto inovador em seu jornalismo. O público conheceu o novo Jornal da Record, o primeiro em formato multiplataforma da RECORD, com cinco boletins distribuídos ao longo do dia, além de conteúdo exclusivo gerado para outras mídias. A RECORD NEWS ainda tem boletins JR de hora em hora. 

Além da tradicional versão que vai ao ar às 19h55, apresentada por Christina Lemos e Celso Freitas, há ainda na RECORD quatro boletins completamente ao vivo, com as principais notícias do momento, comandados pelo time de apresentadores do Boletim JR 24H. Um quinto boletim é produzido exclusivamente para a internet.

Os três primeiros boletins do Jornal da Record têm cinco minutos de duração cada. Eduardo Ribeiro apresenta a edição da manhã; Camila Busnello comanda as edições da tarde e do começo da noite; e Salcy Lima entra no ar na última edição do dia, exibida às 00h30.

Os boletins são exibidos com conteúdo totalmente ao vivo, com entrada de repórteres de todo o Brasil e de correspondentes internacionais, que comentam as principais notícias do momento.

Todo o conteúdo está disponível também na RECORD NEWS, no R7.com e no PlayPlus.

“O Jornal da Record deixa de ser um clássico telejornal de uma hora de duração e amplia o seu alcance, não apenas em relação ao maior tempo que terá na RECORD e na RECORD NEWS com os boletins como também pelo fluxo de conteúdo que será gerado para as outras plataformas do grupo, o R7.com e o PlayPlus, e redes, como Instagram, Facebook, TikTok e Twitter, além de podcasts”, diz Antonio Guerreiro, vice-presidente de jornalismo da emissora.

Para marcar esta mudança, o Jornal da Record ganhou uma nova trilha sonora, um pacote gráfico original e um cenário moderno, contemporâneo e com equipamentos de última geração, idealizado para ser flexível e permitir diversas combinações e mais mobilidade aos apresentadores. O telejornal tem dois grandes telões, um vertical e outro horizontal, que podem ser usados para entradas ao vivo de repórteres ou para inserção de infografismo.

O conceito multiplataforma do novo projeto implica em maior interatividade com telespectadores em diversos canais. Além do boletim JR exclusivo para as redes sociais, também com dez minutos de duração, os apresentadores gravam a escalada com os destaques do dia.

Outra novidade é que, após o fim do programa jornalístico na televisão, um podcast com a íntegra do programa é publicado nas plataformas de áudio. Ainda, os repórteres do jornal gravam stories no Instagram com os principais temas do dia.

RECORD NEWS, como faz atualmente, exibe o Jornal da Record e também transmite os quatro boletins da RECORD. Além deles, produzirá boletins exclusivos. O canal passa, assim, a colocar no ar boletins JR de hora em hora, num total de 24.

“Idealizamos o novo projeto com o objetivo de levar ao público a notícia do momento com a qualidade e credibilidade que o Jornal da Record sempre apresentou. São mais de 350 jornalistas do Jornal da Record trabalhando, no Brasil e no exterior, com o compromisso de informar, fazendo uso de todos os recursos que as novas tecnologias nos oferecem”, destaca Antonio Guerreiro.

As novidades do Jornal da Record têm patrocínio do Bradesco.

Últimas