Público do JR compartilha transtornos causados pela chuva em algumas regiões do Brasil

Estados de Minas Gerais e Rio de Janeiro estão entre os mais atingidos. O conteúdo foi enviado pela hashtag #VCNoJR e WhatsApp

Raquel Rocha / Record TV Minas - 29.01.2020

Desde o começo do ano, chuvas intensas estão sendo registradas em Minas Gerais.  O número de mortos subiu para 55 e mais de 33 mil tiveram que deixar suas casas. O novo balanço da Defesa Civil estadual, divulgado na tarde desta terça-feira (28), aponta que uma pessoa ainda permanece desaparecida.

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o mês de janeiro já é considerado o mês mais chuvoso da história na capital mineira. 

Os telespectadores do Jornal da Record, que estão em regiões afetadas pelas fortes chuvas, estão compartilhando seus comentários e vídeos por meio da hashtag #VCnoJR e também pelo WhatsApp.

Confira!

Sou Moradora de João Monlevade (MG), no bairro de Santa Cruz. Recentemente meu bairro passou por uma enchente na qual os moradores ficaram desabrigados e não recebemos nenhuma assistência da prefeitura. Tinham pessoas  andando com crianças na água de rio! Várias pessoas perderam tudo e até hoje não tivemos nenhum retorno da prefeitura sobre o que eles podem fazer por nós, já que em momento nenhum fomos alertados das chuvas nem dos riscos. Nem a Defesa Civil apareceu pra nos dar um parecer e dizer para sairmos de nossas casas, pois o risco era grande.

Maria Vitória

Esse é o estado da Avenida Rio Branco, na cidade de Camanducaia em Minas Gerais.

Denise Carla da Silva

Chuva atinge Camanducaia

Chuva atinge Camanducaia

Denise Carla da Silva