Minas Gerais Brasileiro é preso em Portugal por matar a ex na frente dos filhos

Brasileiro é preso em Portugal por matar a ex na frente dos filhos

Investigação revela que o homem de 34 anos, natural de Minas Gerais, não aceitava o fim do relacionamento, há um ano

  • Minas Gerais | do R7, com Record TV Minas

O brasileiro Átila Phoebus é suspeito de matar ex-mulher

O brasileiro Átila Phoebus é suspeito de matar ex-mulher

Reprodução/ Redes Sociais

Um brasileiro foi preso em Portugal, na última quarta-feira (5), sob suspeita de ter matado a ex-esposa, Cássia. A investigação revela que ele não aceitava o fim do relacionamento, há um ano.

O crime aconteceu na frente dos três filhos do casal, de 2, 3 e 8 anos. De acordo com a polícia, Átila Phoebus, de 34 anos, também agrediu a ex-enteada adolescente, de 14 anos. A jovem foi atingida com facadas no rosto. Ela está internada em estado grave.

Phoebus é natural de Minas Gerais e morava com a família em Portugal havia três anos. Segundo informações da Polícia de Lisboa e Vale do Tejo, o homem invadiu a casa onde a ex-esposa morava com os filhos e a atacou com uma faca na frente das crianças. A nutricionista morreu na hora.

O homem fugiu, e o menino de 8 anos ligou para um amigo da mãe, que acionou a polícia. Os policiais encontraram Phoebus na região de Alentejo, onde ele trabalha. Durante o trajeto para a delegacia, o investigado tentou saltar da viatura em movimento. Na tentativa, ele ficou ferido e foi internado sob escolta policial. De acordo com a polícia, Cássia já tinha registrado ocorrências contra o ex-marido.

Últimas