Minas Gerais Homem com 250 kg morre após esperar 8h por atendimento médico 

Homem com 250 kg morre após esperar 8h por atendimento médico 

Vítima precisava realizar uma cirurgia, que foi negada pelo Hospital Municipal de Governador Valadares; unidade alegou "incapacidade técnica" 

Homem morreu após esperar por 8 horas em hospital

Homem morreu após esperar por 8 horas em hospital

Reprodução / Google Street View

Um homem, de 43 anos, morreu após esperar atendimento médico por mais de 8 horas, no Hospital Municipal de Governador Valadares, a 314 km de Belo Horizonte, na madrugada desta sexta-feira (21). A vítima pesava mais de 250 kg precisava realizar uma cirurgia.

De acordo com a Polícia Militar, o paciente, Ernandes Fehlberg, vivia em Mantena, a 456 km de BH e foi até o Hospital Municipal de Governador Valadares, a 335 km da capital mineira, para receber atendimento médico.

Segundo o boletim de ocorrência, a vítima, que pesava mais de 250 kg, precisava realizar uma cirurgia de hérnia nos testículos. Ainda segundo o registro policial, o hospital se negou a fazer o atendimento médico, alegando que a unidade tinha "incapacidade técnica" para realizar o atendimento. 

Os militares informaram que a corporação foi acionada por uma mulher, de 51 anos, mas não souberam informar se ela era parente da vítima. A PM ainda disse que o diretor do hospital entrou em contato com a secretaria de Saúde de Mantena, informando que não seria possível realizar o atendimento ao paciente. 

Ainda segundo a corporação, eles foram acionados pelo próprio diretor para acompanharem a situação. Segundo a PM, após muita insistência dos familiares, o hospital decidiu atender o paciente, que esperou por mais de 8 horas pelo atendimento dentro de uma ambulância que o trouxe de Mantena.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para auxiliar na locomoção da vítima para dentro da unidade. Segundo a corporação, os militares fizeram um sistema específico de tração com cordas e equipamentos de resgate para conseguir movimentar a vítima e levá-lo até o segundo andar do prédio. 

Segundo os militares, a vítima não resistiu e morreu na madrugada desta sexta-feira (21). 

Outro lado 

A reportagem entrou em contato com o Hospital Municipal de Governador Valares e aguarda um retorno. 

*Estagiário do R7 sob supervisão de Lucas Pavanelli 

Últimas