Minas Gerais Principal maternidade de BH adia partos após ficar 16 horas sem água

Principal maternidade de BH adia partos após ficar 16 horas sem água

Hospital Sofia Feldman precisou comprar caminhões-pipa para retomar atendimentos; Copasa promete retorno nesta quarta

O Hospital e Maternidade Sofia Feldman, localizado no bairro Tupi, na região Norte de Belo Horizonte, precisou adiar cesarianas após ficar sem abastecimento de água. A instituição é a principal da cidade e uma das maiores do Estado.

O problema no fornecimento de água começou na noite de terça-feira (27) e pegou tanto a administração quanto os pacientes de surpresa. O diretor da instituição, Ramon de Almeida Duarte, afirma ter acionado a Copasa logo que a falta de água foi constatada.

— Pedi com urgência que enviassem um caminhão-pipa, porque o hospital não pode ficar sem água. Eles abriram uma ordem de serviço e disseram que iam resolver.

Hospital comprou três caminhões-pipa

Hospital comprou três caminhões-pipa

Reprodução / Record TV Minas

A direção da maternidade esperou por quase 16 horas por uma providência da Copasa e, como nada foi feito, o próprio hospital comprou 4 caminhões-pipa para abastecer a unidade. Duarte afirma ter acionado novamente a empresa.

— Eu mesmo liguei para a Copasa, a atendente afirmou que a ordem de serviço havia sido ocupada, mas a água nunca chegou aqui.

O hospital comprou três caminhões com 10 mil litros e um com 16 mil litros de água, que chegaram no meio da manhã de quarta-feira (28).  Além disso, também foram adquiridos 22 galões de 20 litros para consumo dos pacientes. O entregador Carlos Firmino Santos, que acompanhava a esposa, precisou comprar água por conta própria.

— Duas horas da manhã, eu com sede e nenhum comércio aberto. Todos os banheiros interditados. A situação estava crítica.

Em nota, a Copasa informou que o hospital já recebeu três caminhões-pipa e que, ainda nesta quarta-feira, o fornecimento de água será normalizado. O desabastecimento teria sido causado após um serviço de manutenção na região Norte.

Últimas