Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Autos Carros
Publicidade

Concorrência com chineses já afeta mercado de usados: veja análise

Carros chineses em volume chegando ao país o que força o preço dos carros para baixo

Autos Carros|Marcos Camargo JrOpens in new window

Haval H6 2025 ganha novidades no Brasil mas não terá visual atualizado (GWM/Divulgação)

Nesta semana dados divulgados pela Fenauto, (Federação dos Revendedores de Veículos Usados), mostram uma mudança no comportamento do preço dos carros usados em todo o Brasil em uma tendência já observada desde o começo de 2023: o valor dos veículos está caindo.

Há três razões claras para que isso aconteça: os carros chineses em volume chegando ao país o que força o preço dos carros para baixo, os descontos de impostos anunciados no ano passado pelo governo federal e a natural recomposição da oferta com volumes de produção mais altos nas fábricas.

News Motor_https://newsmotor.com.br/conheca-as-polemicas-do-byd-dolphin-mini-o-eletrico-mais-vendido-do-brasil/

Carros chineses: Já existem efeitos da concorrência maior com os carros chineses da BYD e GWM que afetam os preços de modelos acima dos R$ 200 mil. É o caso das linhas Toyota, Honda, Jeep e outros que são vendidos com grandes descontos na concessionária o que desvaloriza os modelos usados e seminovos. Isso porque o consumidor vê nas novas marcas uma boa relação entre custo e benefício e migra de marca de forma muito fácil como se tem observado.

GWM oferece carregador portátil para clientes que comprarem Ora 03
GWM oferece carregador portátil para clientes que comprarem Ora 03 GWM oferece carregador portátil para clientes que comprarem Ora 03

Descontos que desequilibram o mercado: o movimento foi dos descontos oferecido pelo governo federal no meio do ano passado com redução temporária de IPI. Com redução de impostos, cerca de 125 mil carros foram vendidos com preço menor o que afetou para baixo o preço dos veículos seminovos sobretudo aqueles modelo 2022 e 2023.

Publicidade
Revista Financeira_https://colunafinanceira.com.br/estes-sao-os-valores-para-manter-o-byd-song-plus-de-r239-800-vale-a-pena-investir/

Da mesma forma, os estoques que estavam reduzidos na pandemia voltaram aos patamares normais. Existem ainda problemas como a questão das enchentes do Rio Grande do Sul que afetaram a produção da Chevrolet e Volkswagen e a falta de escoamento da produção vinda da argentina para produtos da Ford, Fiat, Peugeot e Toyota.

News Motor_https://newsmotor.com.br/byd-amplia-garantia-de-carros-ja-vendidos-mas-nao-de-todos-os-componentes/ (Picasa)

A Fenauto avalia que agora é um momento desfavorável para o comércio de carros usados com até três anos de fabricação. Há muita oferta, descontos e bonificação entre os modelos novos o que derruba, naturalmente, o valor de um seminovo.

Publicidade

Feirão de carros em SP detecta redução nos preços há um ano

Dados do Feirão AutoShow, tradicional evento de carros usados realizado em SP, mostra que a tendência de queda já dura um ano. No momento de recuperação da pandemia, entre 2021 e 2022, os estoques baixos e a subida de preços valorizaram os carros usados.

Feirão AutoShow é um tradicional ponto de compra e venda de veículos de São Paulo e do ABC
Feirão AutoShow é um tradicional ponto de compra e venda de veículos de São Paulo e do ABC Feirão AutoShow é um tradicional ponto de compra e venda de veículos de São Paulo e do ABC (AutoShow/Divulgação)

No entanto, o evento que reúne cerca de 6.000 veículos que passam pelos feirões de domingo por mês, mostra que a partir de recomposição dos estoques, descontos, a retomada do financiamento e outros fatores o valor do carro zero embora caro para a maioria dos clientes, pode ser mais vantajoso para o consumidor que passa a desconsiderar o carro usado e por isso o preço cai.

Publicidade
Ingressos antecipados com desconto já estão disponíveis no site do AutoShow
Ingressos antecipados com desconto já estão disponíveis no site do AutoShow Ingressos antecipados com desconto já estão disponíveis no site do AutoShow (AutoShow/Divulgação)

Quase 1 milhão de usados por mês

Dados da Fenauto mostram que em abril de 2024, 968 mil veículos usados foram comercializados no país com tendência de alta de volume mas os preços devem flutuar para baixo.


Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.