O que é e como desenvolver a autoliderança?

Divulgação

Conseguir gerenciar a própria carreira e ter domínio sobre seu desenvolvimento pessoal e profissional é um dos diferenciais competitivos mais valorizados no mercado de trabalho atualmente.

A autoliderança é uma competência fundamental tanto para profissionais que querem evoluir na carreira e crescer em um nível individual, quanto para gestores que precisam liderar equipes dentro de uma organização.

Liderar a si mesmo é um desafio ainda maior do que liderar outras pessoas, visto que exige muita disciplina, equilíbrio e determinação. Afinal, para o ser humano, é muito mais fácil ter uma visão realista das outras pessoas do que de nós mesmos. Isso vale para todos os tipos de julgamentos: erros, acertos, habilidades e personalidade.

Porém, a trajetória do líder deve começar de dentro para fora.

Neste artigo, vamos entender o que é autoliderança, qual a importância dessa habilidade e como desenvolvê-la. Segue a leitura!

O que é autoliderança?

Em uma definição simples, autoliderança é o processo de liderar a si mesmo, principalmente em relação à conduta profissional. Por meio desse processo, o indivíduo assume domínio e responsabilidade para gerenciar a própria carreira e conduzir a si mesmo ao longo da busca pela realização dos objetivos profissionais.

A autoliderança está muito ligada à inteligência emocional.

Em um contexto de gestão de pessoas, a autoliderança prepara o líder para lidar com seus colaboradores, mobilizá-los e motivá-los para que todos estejam alinhados com as expectativas da organização.

Em um contexto individual, a autoliderança ajuda o profissional a se destacar em qualquer lugar que esteja. O indivíduo passa a trabalhar de forma autônoma e mais segura e, inevitavelmente, ganhará a confiança de seus superiores.

Qual a importância da autoliderança?

Um profissional que apresenta a habilidade da autoliderança sabe exatamente onde quer chegar e o que precisa fazer para chegar lá.

Ele reconhece como usar seus pontos fortes a seu favor e como potencializar os pontos fracos. Tudo isso permite que o profissional seja o protagonista de sua própria jornada.

A autoliderança também traz mais facilidade em se relacionar com pessoas (independente do nível de hierarquia dentro da empresa), se comunicar de forma clara, conduzir processos e lidar com dificuldades e imprevistos.

Além disso, um profissional que tem iniciativa e autoconhecimento é capaz de potencializar a eficiência do seu trabalho e, consequentemente, inspirar seus colegas a buscar o mesmo comportamento. Os resultados positivos que a autoliderança traz têm o poder de inspirar todos ao redor a querer ter essa habilidade também, principalmente se isso é observado em alguém na posição de líder.

Todos esses fatores fazem com que o mercado de trabalho valorize cada vez mais os profissionais com a habilidade da autoliderança. Independente da área de atuação, esta habilidade se tornou essencial para ter uma carreira de sucesso.

Como a autoliderança ajuda a liderar equipes?

O líder que pratica a autoliderança não precisará dizer aos seus liderados que tem essa habilidade. Com o tempo, os resultados positivos o tornam uma figura inspiradora, com credibilidade para liderar e ensinar.

A inteligência emocional adquirida com a autoliderança faz com que o líder consiga compreender melhor o comportamento e as necessidades dos seus colaboradores, para que, assim, seja possível incentivar os pontos fortes de cada um em busca de um resultado comum.

Benefícios da autoliderança

● Comunicação mais clara;

● Mais criatividade no contexto pessoal e profissional;

● Capacidade de tomar decisões de forma eficiente e ágil;

● Maior capacidade colaborativa;

● Melhor definição de objetivos e resultados;

● Mais responsabilidade e disciplina.

Como desenvolver a autoliderança?

1. Pratique o autoconhecimento

Para iniciar o processo da autoliderança, é preciso que o profissional conheça a si mesmo e tenha consciência sobre seus objetivos, princípios, forças e fraquezas, tanto no âmbito profissional quanto no pessoal. Isso ajuda a eliminar crenças limitantes e permite que ele saiba como dominar e direcionar a própria carreira.

2. Tenha um planejamento

Para alcançar o seu propósito profissional, é preciso traçar seu próprio planejamento estratégico. Liste e detalhe todas as suas metas relacionadas a conquistas profissionais, estudos, realizações pessoais e financeiras e o que mais fizer sentido para o seu processo. Além disso, é importante saber definir prioridades!

3. Assuma responsabilidade sobre si

O processo da autoliderança não é só sobre objetivos e autoconhecimento. Assim como você assume responsabilidade sobre suas conquistas, é necessário assumir responsabilidade também pelos seus erros. Não dê desculpas para suas falhas e dificuldades, responsabilize-se por elas e dedique-se a melhorar.

4. Esteja sempre disposto a aprender

O profissional com autoliderança deve estar sempre em busca de adquirir novos conhecimentos, aperfeiçoar suas habilidades e competências e superar suas limitações. O processo de evolução profissional é contínuo!

5. Tenha disciplina e determinação

Disciplina e determinação são fatores essenciais na conquista do sucesso profissional. A disciplina garante que o profissional mantenha constância e foco no seu processo, enquanto a determinação proporciona resiliência para superar os obstáculos e encarar os desafios que podem surgir.

Se você chegou até aqui, conseguiu ver que todo profissional pode desenvolver a autoliderança e se destacar no que faz! Não existe fórmula mágica: é preciso comprometimento e empenho para alcançar o sucesso profissional através da autoliderança. Agora é hora de colocar a mão na massa!

Últimas