Luiz Fara Monteiro Pane sobre o Atlântico obriga avião da Swiss a retornar a Zurique

Pane sobre o Atlântico obriga avião da Swiss a retornar a Zurique

Companhia aérea informou que a tripulação do A330 retornou por precaução devido a uma irregularidade em um dos motores 

Swiss: pane no motor sobre o Atlântico

Swiss: pane no motor sobre o Atlântico

Anthony92931 - Wikimedia Commons

Um voo da Swiss International Airlines que iria de Zurique para Boston, nos Estados Unidos, teve que retornar ao aeroporto de origem por causa de uma pane detectada em um dos motores quando a aeronave sobrevoava o Atlântico Norte.

Programado para decolar às 17h30, o voo saiu com apenas 14 minutos de atraso na última sexta-feira (15).

O Airbus A330-300 da Swiss, de registro HB-JHE, em operação há 12 anos, realizava o voo LX-52 de Zurique para Boston e estava a 150 milhas náuticas (277 km) a noroeste de Shannon, na Irlanda, quando a tripulação decidiu retornar ao destino. 

O problema no motor, modelo Trent 772, não foi detalhado. De acordo com o Aviation Herald, o desvio ocorreu pouco antes de a aeronave entrar no espaço aéreo oceânico.

Dados da plataforma AirNav RadarBox indicam que, após a constatação da pane, o avião desceu para o nível de voo FL350 e depois para FL310.

O pouso aconteceu em segurança na pista 34 de Zurique cerca de quatro horas e 15 minutos após a partida.

A companhia aérea informou que a tripulação retornou por precaução devido a uma irregularidade em um dos motores.

RadarBox: em verde, a rota percorrida pelo A330 da Swiss

RadarBox: em verde, a rota percorrida pelo A330 da Swiss

AirNav RadarBox

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas