Rio de Janeiro Pacientes de idosa morta denunciam atendimento precário no Hospital Albert Schweitzer

Pacientes de idosa morta denunciam atendimento precário no Hospital Albert Schweitzer

Familiares disseram ter comprado insumos para atendimento da paciente na unidade 

A família de uma idosa de 95 anos que morreu no Hospital Municipal Albert Schweitzer em Realengo, na zona oeste do Rio, denunciou o abandono na unidade. Os parentes relataram que compraram insumos hospitalares o atendimento da paciente. Outras pessoas denunciaram que o serviço na unidade de saúde está precário. A direção do hospital disse que não faltam medicamentos nem materiais.

Últimas