São Paulo Grande SP: chuva causa enchentes e desabamentos, e derruba árvores

Grande SP: chuva causa enchentes e desabamentos, e derruba árvores

Capital registrou estado de atenção de 12h55 a 18h05. Na Penha, choveu granizo e em Cumbica, ventos chegaram a 44 km/h

  • São Paulo | Do R7

Nuvens carregadas encobrem o céu no centro da cidade de São Paulo, na tarde desta quinta-feira (25)

Nuvens carregadas encobrem o céu no centro da cidade de São Paulo, na tarde desta quinta-feira (25)

LECO VIANA / THENEWS2 / ESTADÃO CONTEÚDO - 25.02.2021

A chuva que atinge a capital e a Grande São Paulo desde o início da tarde desta quinta-feira (25) provocou 68 chamados de quedas de árvores, três de enchentes e um de desabamento, de acordo com o Corpo de Bombeiros.

Às 16h40, todas as regiões da capital entraram em estado de atenção. A primeira foi a zona sul às 12h55, seguida pelas zonas sudeste e leste às 15h43 e às 15h58, as zonas oeste, norte, o centro e as regiões das marginais Pinheiros e Tietê, segundo o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências). Às 18h05, a situação estava normalizada.

Até 18h05, havia chovido cerca de 12,4 mm na cidade. Só na zona leste, foram registrados 20,9mm. Em São Miguel Paulista, foram 37,4mm e no Itaim Paulista, 33,6mm.

Às 15h43 caiu granizo na Penha, na zona leste. A região chegou a ficar em estado de alerta na forte chuva que também atingiu a capital na quarta-feira (24). 

As rajadas de vento mais fortes, de 44km/h, foram registradas na região do aeroporto de Cumbica, em  Guarulhos, às 16h11.

A chuva é provocada por áreas de instabilidade vindas do interior. As regiões com precipitação de maior intensidade são justamente a Penha, e também Mooca e Aricanduva/Formosa, na zona leste. A situação vale também para a zona sudeste e o centro da capital.

De acordo com o CGE, há potencial para trovoadas e rajadas de vento. Com a sequência de dias chuvosos, o solo encharcado aumenta a tendência para formação de alagamentos, queda de árvores, transbordamento de rios e deslizamentos de terra.

Últimas