São Paulo Homem é suspeito de matar vizinha que recusou emprestar R$ 800,00

Homem é suspeito de matar vizinha que recusou emprestar R$ 800,00

Mulher, de 43 anos, foi amarrada e corpo deixado no sótão da própria casa, na região do Sacomã, zona sul de São Paulo

  • São Paulo | Do R7, com informações da Agência Record

Mulher foi encontrada morta na própria casa, na Vila Moraes, zona sul de SP

Mulher foi encontrada morta na própria casa, na Vila Moraes, zona sul de SP

Reprodução/Google Maps

Nayara de Jesus Santos, de 43 anos, foi encontrada morta no sótão da sua própria casa, na rua Batuíra, 127, na Vila Moraes, região do Sacomã, na zona sul de São Paulo. O crime teria sido praticado por volta das 21h45 da quinta-feira (7) por um vizinho e, segundo a polícia, o motivo do assassinato seria a recusa da vítima em conceder um empréstimo de R$ 800,00 ao suspeito.

O corpo da mulher passou por exames necroscópicos no IML (Instituto Médico Legal) Sul nesta sexta-feira (7) e, até por volta das 21h, aguardava pela chegada da família, nesta tarde no Instituto Médico Legal  (IML) Sul, que não atendeu às nossas ligações.

O suspeito, conhecido no bairro como Caique, teria se revoltado em razão da negativa de Nayara em ajudá-lo, como costumava fazer, porque ela estaria sem dinheiro.

O homem não acreditou na justificativa porque a vizinha tinha acabado de comprar um apartamento. Então, ele decidiu amarrar a vítima e matá-la com uma faca.

A Polícia Militar foi acionada pelo namorado de Nayara, que estranhou o fato dela não ter respondido seus contatos. Quando os policiais chegaram ao local, o suspeito fugiu. Ele já cumpriu pena por homicídio e estava em liberdade há cerca de um ano.

A polícia encontrou objetos pessoais da vítima na casa do suspeito. O caso foi registrado no 26º DP (Sacomã).

Últimas