Moradores protestam após morte de dois suspeitos pela polícia em SP

Manifestantes atearam fogo em carro no Parque São Rafael, na zona leste, na tarde desta sexta-feira. PM afirma que suspeito iniciou troca de tiros

Moradores protestaram na rua dos Bananais, no Parque São Rafael

Moradores protestaram na rua dos Bananais, no Parque São Rafael

Reprodução/ Google Street View

Moradores de uma comunidade atearam fogo em um carro abandonado para protestar contra uma ação da polícia que provocou a morte de dois suspeitos durante uma suposta troca de tiros na rua dos Bananais, no Parque São Rafael, na zona leste de São Paulo, por volta das 15h desta sexta-feira (16).

De acordo com informações preliminares da Polícia Militar, viaturas da Força Tática do 38º Batalhão estavam em patrulhamento, quando observaram a atitude suspeita de um homem que estava na frente de uma casa, onde funcionaria uma refinaria de drogas. No momento da abordagem, segundo a PM, o homem atirou contra os policiais e começou uma troca de tiros.

Dentro da casa, havia um segundo criminoso que se envolveu no tiroteio. Ambos receberam primeiros atendimentos do Corpo de Bombeiros, mas morreram no local. Segundo a PM, um dos suspeitos estava com uma pistola e o outro, com um revólver. Os policiais não se feriram.

Na casa, foram apreendidos uma quantidade de maconha, material para refino da droga e registro da contabilidade do tráfico.

A manifestação ocorreu por volta das 18h. Segundo a polícia, a ação foi em retaliação a morte dos dois suspeitos. Ninguém foi preso ou ficou ferido durante a manifestação. O caso será investigado pelo 55º DP.