Tecnologia e Ciência Cadeira de rodas de Stephen Hawking é leiloada por R$ 1,5 milhão

Cadeira de rodas de Stephen Hawking é leiloada por R$ 1,5 milhão

Valor arrecadado com a venda dos itens pessoais do físico britânico será entregue para uma instituição de caridade

Stephen Hawking

Itens pessoais do físico foram vendidos em um leilão pela internet

Itens pessoais do físico foram vendidos em um leilão pela internet

Toby Melville/Reuters - 30.10.2018

Uma cadeira de rodas motorizada usada pelo físico britânico Stephen Hawking foi vendida em um leilão na quinta-feira (10) por quase 300 mil libras, cerca de R$ 1,46 milhão, e uma dissertação dele obteve quase o dobro deste valor em um leilão de arrecadação para uma instituição de caridade.

Famoso por seu trabalho sobre as origens do universo, Hawking morreu em março aos 76 anos, depois de passar a maior parte da vida em uma cadeira de rodas por sofrer de esclerose lateral amiotrófica.

Alguns de seus pertences, como ensaios, prêmios, medalhas e uma cópia de seu livro "Uma Breve História do Tempo", assinada com sua impressão de polegar, foram vendidos pela internet na quinta-feira, assim como cartas e manuscritos de autoria de Isaac Newton, Charles Darwin e Albert Einstein.

A dissertação de 117 páginas "Propriedades dos universos em expansão", de 1965, foi arrematada por 584.750 libras, bem mais do que a estimativa de 150 mil libras.

Prêmios e medalhas foram comprados por 296.750 libras, tendo sido estimados em 15 mil libras, e uma cadeira de rodas motorizada vermelha saiu por 296.750 libras, também tendo sido estimada em 15 mil libras.

A casa de leilões Christie's realizou o leilão virtual de nove dias batizado de "Nos Ombros de Gigantes" para arrecadar fundos para a Fundação Stephen Hawking e a Associação de Esclerose Lateral Amiotrófica.

Ela também ofereceu aos fãs do físico, que falava com um sintetizador de voz eletrônico, uma chance de adquirir algumas de suas posses.

"Stephen Hawking era uma grande personalidade mundial. Ele tinha uma habilidade incrível para se conectar com as pessoas", disse Thomas Venning, chefe do departamento de livros e manuscritos da casa de leilões Christie's de Londres, à Reuters antes do evento.

Veja também: 

Descubra 9 itens do cotidiano projetados com tecnologia da Nasa

    Access log