Um milhão de brasileiros pedem pela internet renúncia de Renan Calheiros

Parlamentar foi eleito presidente do Senado há poucos dias

Uma iniciativa lançada pela internet para pedir a cassação do presidente do Senado, Renan Calheiros, conseguiu um milhão de assinaturas e precisa de mais 300 mil para apresentada ao Congresso, informou nesta sexta-feira o autor da iniciativa.

Ao conseguir 1,3 milhão de assinaturas, o que representa 1% do eleitorado brasileiro, a iniciativa pode ser apresentada como uma "ação popular" no Senado, que seria obrigado a analisá-la.

Leia mais notícias de Brasil no Portal R7

Para isso que isso ocorra devem ser cumpridos alguns requisitos legais. Entre outros pontos, a lei exige a identificação plena dos signatários, com seus respectivos documentos de identidade e outros dados pessoais, assim como a assinatura de cada um deles.

O autor desta ação é identificado como Emiliano Magalhães, que se anuncia como um comerciante e diz que decidiu iniciar o abaixo-assinado porque não se sente "representado" pelo Parlamento. Calheiros foi eleito no dia 2 de fevereiro para a presidência do Senado, mesmo sendo acusado de corrupção.

  • Espalhe por aí:
Publicidade

Twitter

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!