Aplicativo "Salve Mariana" busca incentivar turismo após tragédia

Programa divulga informações sobre os pontos turísticos do município histórico 

Até o momento, programa está disponível somente para Android
Até o momento, programa está disponível somente para Android Divulgação

Mais de 4.000 pessoas já baixaram o aplicativo Salve Mariana, lançado em dezembro do ano passado. O intuito do programa é divulgar detalhes sobre a cidade histórica afetada pelo rompimento da barragem de Fundão, em novembro de 2015. A tragédia deixou 17 mortos e outras duas pessoas desaparecidas. Através do sistema, é possível ter acesso às informações sobre pontos turísticos locais como casarões, museus e igrejas. 

A iniciativa é do criador da startup Game Developers SC, Juliano Cristian Bonifácio. Segundo ele, a proposta é contribuir com o município e elevar também a autoestima da população após o desastre. Além de atrair turistas, a ferramenta foi expandida ainda para prestar dados importantes à rotina da população afetada. 

Leia mais notícias de Minas Gerais no Portal R7

Experimente grátis: todos os programas da Record na íntegra no R7 Play

O desenvolvedor do projeto explica ainda que "a ideia é vir com uma roupagem nova e mostrar as coisas boas de Mariana ao mesmo tempo em que aproxima a população da Prefeitura. Tínhamos toda uma preocupação em oferecer conteúdo de qualidade e a partir daí a nossa equipe de criação e desenvolvimento optou em criar um aplicativo simples, fácil de utilizar e rico em conteúdo”. 

O Salve Mariana pode ser baixado gratuitamente para smartphones com o sistema Android no endereço: http://salvemariana.com.br.