Universitária que estava desaparecida é encontrada morta em construção no sul de Minas

Corpo da jovem de 18 anos estava em uma construção

Corpo foi encontrado com sinais de estrangulamento
Corpo foi encontrado com sinais de estrangulamento Facebook/Reprodução

Uma universitária de 18 anos que estava desaparecida foi encontrada morta nesta quarta-feira (15) em Itajubá, no sul de Minas Gerais. Déborah Oliveira havia sido vista pela última vez na noite de ontem.

Segundo a Polícia Militar, o corpo estava em uma construção da alameda Boa Esperança, rua que faz ligação entre os bairros BPS e Morro Chic. A suspeita é que a estudante tenha sido estrangulada.

Leia mais notícias no R7 MG

A jovem, que cursava Sistema de Informação na Unifei (Universidade Federal de Itajubá) desapareceu por volta das 21h, quando saiu da faculdade. Colegas contaram que Déborah alegou estar gripada e com muito frio antes de sair da instituição.

O corpo a jovem será velado na capela da Unifei. A Polícia Civil não tem informações sobre autoria ou motivação para o crime e afirmou que o caso vai ser investigado.

O local onde Déborah foi encontrado é considerado perigoso. Os funcionários da universidade chegam a recomendar que os estudantes não passem sozinhos pela alameda, que é isolada e com pouca movimentação durante a noite.