Travesti é achado morto com 6 tiros na baixada; polícia investiga motivação homofóbica

Rafael da Silva Tavares foi visto pela última vez em quiosque em Magé

Rafael Tavares
Rafael Tavares Reprodução Rede Record

Rafael da Silva Tavares, de 21 anos, foi encontrado morto com seis tiros em um terreno na Baixada Fluminense.

O jovem era travesti e foi visto pela última vez em um quiosque em Magé. Na ocasião, em 19 de julho passado, ele estava acompanhado de outro travesti quando entrou em um carro branco com dois homens dentro.

O titular da delegacia de Magé (65ª DP), Robson da Costa Ferreira da Silva, já ouviu três testemunhas e não descarta que o crime possa ter sido motivado por vingança ou homofobia.

Segundo parentes da vítima, Rafael não tinha inimigos e a opção sexual dele sempre foi respeitada pela família e pelos amigos.

Veja o vídeo: