São Paulo

24/3/2013 às 09h27 (Atualizado em 24/3/2013 às 16h15)

Criminosos que mataram jovem de 15 anos em Higienópolis são condenados a 33 anos de prisão

Caroline Silva Lee resistiu a entregar bolsa; atirador riu enquanto prestava depoimento à polícia

Do R7, com Fala Brasil

Caroline Silva Lee, de 15 anos, reagiu a um assalto e foi morta com dois tiros Reprodução/TV Record

A Justiça de São Paulo condenou, na sexta-feira (22), os três jovens acusados de matar a estudante Caroline Silva Lee, de 15 anos, em um assalto. O julgamento aconteceu no Fórum da Barra Funda, na zona oeste de São Paulo. O crime aconteceu em 21 de outubro, em Higienópolis, bairro nobre de São Paulo.

Marcos Vinícios Correia Gomes, de 19 anos, Alex Rodrigues Venâncio, de 18, e Claudinei Avelino Modesto, de 18, tiveram a mesma pena. Eles foram condenados a 33 anos, cinco meses e dez dias de prisão em regime fechado, além do pagamento de 564 dias-multa, no valor mínimo legal, pelos delitos de roubo e latrocínio. Eles também foram condenados a cinco meses de detenção pelo crime de resistência.

A sentença foi lida pelo juiz Rafael Henrique Janela Tamai Rocha, da 4ª Vara Criminal da Barra Funda, no fim da audiência de instrução e julgamento. Foram ouvidas seis testemunhas de acusação e interrogados os três réus. A audiência foi um júri simples, sem a presença de jurados, por se tratar de um crime contra o patrimônio, em que a morte foi uma consequência. Na opinião do promotor Alexandre Mourão Tieri, foi uma pena justa para o crime que cometeram.

— O sofrimento experimentado pela mãe da vítima, a desnecessidade de efetuar o disparo naquela situação, a forma truculenta como os três agiram induz a uma pena que, de certa forma, atende aos nossos anseios.

“A vida da minha filha foi embora por um celular”, diz mãe de adolescente assassinada em Higienópolis

Relembre os casos de assaltos que terminaram em morte

 O crime

A estudante e o namorado dela voltavam a pé de uma festa quando foram abordados por dois dos criminosos na rua Piauí, em Higienópolis, bairro nobre da capital paulista. Um terceiro bandido armado participou da ação. Eles tentaram levar a bolsa de Carolina, porém, ela reagiu e levou dois tiros. A adolescente não resistiu aos ferimentos e morreu.

Os três bandidos fugiram em um carro roubado. Depois de uma perseguição, trocaram tiros com a polícia e foram presos em flagrante na avenida 23 de maio. O trio já tinha passagem pela polícia. No depoimento em que confessaram o crime, os jovens não mostraram arrependimento.

Eles riram da situação e afirmaram que é isso que acontece a quem reage. Eles foram indiciados por latrocínio, roubo duplamente qualificado (em razão do carro usado pelo grupo na fuga, que fora roubado durante assalto no fim de semana anterior) e resistência. Caroline cursava o segundo ano do ensino médio e sonhava ter uma academia de Kung Fu.

Assista ao vídeo:

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade

Vitrine de ofertas

Compartilhe
Compartilhe
Assalto na Dutra

Empresário morto ao saltar de carro em movimento era fã de armas e velocidade

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Crise no abastecimento

Moradores de Itu são obrigados a improvisar para conseguir água

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
17 anos

Sessão de tortura de garota queimada com cigarro durou quatro horas

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Você moraria nestes lugares?

Veja como estão imóveis que foram cenários de tragédias em São Paulo

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
  • Últimas de São Paulo

  • Últimas de Notícias

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!