Mulher é encontrada morta dentro da geladeira na zona leste de SP

Corpo tinha marcas de violência sexual e asfixia, perfurações e estava amarrado

Mulher foi morta e colocada dentro da própria geladeira na zona leste de São Paulo
Mulher foi morta e colocada dentro da própria geladeira na zona leste de São Paulo Reprodução/Rede Record

Uma mulher foi encontrada morta dentro da geladeria na zona leste de São Paulo, na tarde de quinta-feira (24). Vizinhos disseram à polícia que casa foi invadida por criminosos. Eles teriam abusado sexualmente da mulher, depois mataram e colocaram o corpo na geladeira.

A vítima, de 46 anos, era de Salvador, na Bahia, e trabalhava como supervisora em uma empresa. O corpo tinha perfurações, marcas de asfixia e estava amarrado. A filha da mulher encontrou o corpo e chamou a policia.

Um namorado da vítima é o principal suspeito do crime. Ele ainda não foi encontrado e, segundo vizinhos, era violento. O filho dela, de 28 anos, que seria usuário de drogas, está desaparecido desde a última segunda-feira (21). O caso foi registrado no 41º Distrito Policial como homicídio, foi requisitada perícia e a assessoria do DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa).

Leia mais notícias de São Paulo

Assista ao vídeo: