São Paulo

22/5/2013 às 17h37 (Atualizado em 22/5/2013 às 19h56)

Tarifas de ônibus, metrô e trens em SP passam a custar R$ 3,20 

Aumento vai ser cobrado a partir do dia 2 de junho. Preço da integração será R$ 5

Do R7

Tarifa do Metrô, trens da CPTM e ônibus vão subir no próximo dia 2 Renato s. Cerqueira/Futura Press/Estadão Conteúdo

A Prefeitura de São Paulo e o governo do Estado informaram, nesta quarta-feira (22), que as passagens de ônibus, metrô e trens da CPTM vão custar R$ 3,20 a partir do dia 2 de junho. O reajuste foi de 6,67% nas tarifas. 

Segundo a administração municipal, a tarifa atual de R$ 3 vigora desde janeiro de 2011 e chegaria a R$ 3,40 se fosse feito o reajuste da inflação acumulada no período pelo IPC/Fipe.

Na terça-feira (21), o prefeito Fernando Haddad (PT) já havia informado que o novo valor da tarifa de ônibus  ficaria abaixo de R$ 3,40. A declaração do prefeito foi dada durante a vistoria nas obras de um teatro na Penha, na zona leste, acrescentando que quanto menor o aumento, maior será o subsídio pago pela prefeitura às empresas de ônibus.

Leia mais notícias de São Paulo

Integração

O valor da integração entre as linhas de ônibus da capital paulista e as linhas de metrô e trens da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), geridos pelo governo estadual, vai subir dos atuais R$ 4,65 para R$ 5. As informações foram dadas no início da noite desta quarta-feira, 22, pela Prefeitura de São Paulo com exclusividade ao Broadcast, serviço de notícias em tempo real da Agência Estado.

Reunião

Nesta quarta-feira (22), o prefeito se reuniu com técnicos da Secretaria dos Transportes para analisar os "cenários" relativos tanto ao preço da tarifa quanto ao do subsídio e, assim, tomar uma decisão sobre o reajuste e encaminhar o valor para apreciação dos vereadores na Câmara Municipal. Por lei, o Executivo tem o prazo limite de cinco dias úteis antes da entrada em vigor do novo preço para enviar a proposta ao Legislativo.

Além dos ônibus, o reajuste da tarifa do Metrô e da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) também ocorrerá, segundo o governador Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou na última semana. O novo valor do metrô e trens ainda não foi confirmado.

O sindicato dos Metroviários já havia afirmado na semana passada, que a passagem do metrô será reajustada para R$ 3,40.

 

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!