Associação médica lança 0800 para denúncias contra planos de saúde

Objetivo é auxiliar pacientes e médicos descontentes com os serviços das empresas

  • Saúde
  • Fabiana Grillo, do R7

Pacientes e médicos que trabalham para planos de saúde poderão fazer denúncias sobre as operadoras pelo telefone 0800 173 313 a partir desta sexta-feira (4). O objetivo da APM (Associação Paulista de Medicina), que lançou o projeto, é auxiliar os descontentes a obter solução adequada e rápida aos seus problemas.

As reclamações e sugestões serão respondidas entre 7 e 15 dias úteis e um relatório será enviado à ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar).

Recentemente, o Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor) divulgou seu ranking de reclamações de 2013. Os planos de saúde permaneceram liderando o topo da lista, seguidos de serviços financeiros, produtos e telecomunicações.

Médicos de SP suspendem atendimento aos planos de saúde na segunda-feira

Entre as principais queixas dos usuários estão negativa de cobertura, reajustes abusivos e descredenciamento da rede assistencial. Segundo o Idec, os médicos também são vítimas das operadoras. Entre 2005 e 2013, os planos coletivos tiveram reajustes de até 538,27%, mas os profissionais que atendem aos pacientes contaram com apenas 60% de 2000 até o momento.

A pesquisa Datafolha divulgada este ano e encomendada pela APM (Associação Paulista de Medicina) revelou que oito em cada 10 usuários de planos de saúde tiveram problemas para marcar consultas, falhas no atendimento de pronto-socorro, dificuldade para a realização de exames, cirurgias e procedimentos de maior custo.

A APM ainda lançou um site com informações e orientações aos usuários.