Brasil Com frio intenso, Anjos da Madrugada reforçam ajuda humanitária a população de rua

Com frio intenso, Anjos da Madrugada reforçam ajuda humanitária a população de rua

Além da doação de alimento e agasalho, programa social coleciona relatos de mudança de vida

  • Brasil | Do R7

Voluntários ajudam moradores de rua a enfrentar o frio

Voluntários ajudam moradores de rua a enfrentar o frio

Divulgação

Com as baixas temperaturas registradas nos últimos dias, o programa social Anjos da Madrugada -- da Igreja Universal do Reino de Deus -- está intensificando a ajuda que oferece a moradores de rua em todo o Brasil. Nesta terça-feira (25), voluntários percorrerão locais que costumam receber pessoas nessa situação em 751 cidades dos 26 estados e do Distrito Federal.

De acordo com a Meteorologia, o forte  frio continuará na região Sudeste ao longo da semana, e existe a possibilidade de novo recorde de baixa  temperatura na capital paulista, com mínima prevista de até 7°C.

Parte do apoio oferecido consiste da distribuição de refeições quentes, cobertores, agasalhos e máscaras de proteção. Os moradores de rua também podem aferir a pressão arterial, cortar o cabelo e receber orientação jurídica.

Leandro Zangarini, responsável nacional pelo Anjos da Madrugada, explica que com a chegada da forte  frente fria, a preocupação com os moradores em situação de rua aumentou. “Intensificamos o trabalho, pois eles se encontram mais vulneráveis neste período. Um cobertor, roupa limpa e comida fazem mais do que ajudar a suportar o frio: salva vidas”.

“Mas muito além do trabalho social, desenvolvemos também apoio e incentivo, tentando levá-los a buscar a dignidade que, um dia, foi perdida”, relata Zangarini.

Desde 2016, o programa social já prestou 3,1 milhões de atendimentos a pessoas em situação de rua, em todo o Brasil. Nesta terça, cerca de 26 mil moradores de rua serão beneficiários.

Vida nova

Em Porto Alegre, um dos beneficiados pelo programa social é Eduardo [sobrenome omitido], que chegou de bicicleta há 15 dias na capital gaúcha, vindo de Santa Catarina. Quando foi encontrado pelos Anjos da Madrugada, estava há três dias morando na rua, alimentando-se apenas dos biscoitos que as pessoas lhe davam.

Ajudado e orientado pelos voluntários, Eduardo hoje é vendedor ambulante e fatura entre R$70 e R$100 por dia. Ele já alugou um quarto para morar, e tem comida na mesa todos os dias.

Outro morador de rua que mudou de vida a partir do auxílio oferecido pela ação social é Deivid [sobrenome omitido], que viveu nas ruas de Belo Horizonte por dois anos. “Ele estava usando drogas e falava em se matar”, conta Josival Belchior, responsável pelo Anjos da Madrugada em Minas Gerais. “Desde que começou a ser acompanhado pelos voluntários, parou de se drogar, conseguiu alugar uma casa, montou o próprio negócio e está muito bem”.

“Encontramos muitas pessoas que perderam a esperança de vida. São histórias muito comoventes. Quando vejo o sorriso no rosto deles, logo após receberem um prato de comida, me alegro imensamente”, explica a voluntária Iris Aparecida Alves, de 34 anos.

Agenda: algumas das 751 cidades que receberão ações sociais dos Anjos da Madrugada em 25/8

São Paulo (SP)
Local da ação social: região do Glicério
Horário da ação social: 18h
O que será doado: sopas, cobertores, agasalhos e toucas
Serviço oferecido: aferição de pressão, corte de cabelo e atendimento jurídico
Estimativa de beneficiados: 100 pessoas
Voluntários envolvidos: 30 voluntários

Local da ação social: Av. Cruzeiro do Sul, próximo ao DEIC, Metrô Carandiru.
Horário da ação social: 20h
O que será doado: marmitas, máscaras, cobertores e agasalhos
Serviço oferecido: aferição de pressão e medição de temperatura
Estimativa de beneficiados: acima de 180 pessoas
Voluntários envolvidos: 40 voluntários

Belo Horizonte (MG)
Local da ação social: Praça Rio branco – em frente à rodoviária
Horário da ação social: 20h
O que será doado: marmitas, máscaras, cobertores e agasalhos
Serviço oferecido: aferição de pressão e medição de temperatura
Estimativa de beneficiados: 200 pessoas
Voluntários envolvidos: 50 voluntários

Porto Alegre (RS)
Local da ação social: Praça XV – Centro de Porto Alegre
Horário da ação social: 21h
O que será doado: marmitas
Serviço oferecido: medição de temperatura
Estimativa de beneficiados: 90 pessoas
Voluntários envolvidos: 25 voluntários

Últimas