Justiça intima candidato que gastou verba de campanha com cerveja

Passo Preto afirma que recebeu 376 votos "pagando cerveja para os amigos" e que não possui notas fiscais dos gastos 

Passo Preto concorreu a cargo na Câmara

Passo Preto concorreu a cargo na Câmara

Reprodução

A Justiça Eleitoral intimou o candidato a deputado federal pelo PSOL em Sergipe, Claudinei Rodrigues dos Santos, conhecido como Passo Preto, para prestar contas a respeito do dinheiro usado na campanha.

Segundo Passo Preto, ele conseguiu 376 votos na eleição em 2018 "pagando cerveja para os amigos". 

"Como é que eu vou prestar conta de um dinheiro pouco que eu sabia que não ganhava nem para vereador, imagina para deputado federal, se os bares que eu frequentei pagando cerveja para os meus amigos não davam nota fiscal?", disse no vídeo.

O então candidato disse que foram "45 dias de campanha só bebendo cerveja". "Eu to sem saber o que fazer aqui. A juíza já mandou me chamar", afirmou.