Brasil Moro critica questionamentos da imprensa sobre atuação de juízes

Moro critica questionamentos da imprensa sobre atuação de juízes

Juiz fez declaração em referência ao dia 8 de julho, quando o desembargador plantonista do TRF4 mandou soltar o ex-presidente Lula

Atuação da imprensa

Moro está participando de um fórum nesta quarta

Moro está participando de um fórum nesta quarta

Paulo Lopes/ Futura Press/ Estadão Conteúdo - 25.07.2018

O juiz Sérgio Moro disse nesta quarta-feira (25) que a imprensa constantemente reclama da atuação dos juízes, tanto quando estão de férias como quando trabalham. "Imprensa vive questionando os juízes que as férias são muito longas, mas quando trabalham também reclamam", afirma rindo. 

Moro fez a declação no debate "A Reconstrução do Brasil", parte da programação do fórum do jornal Estado de S. Paulo. Ele se referia ao dia 8 de julho, quando o desembargador de plantão do TRF4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região) Rogério Favreto mandou soltar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, acolhendo um pedido de habeas corpus impetrado por um grupo de advogados petistas. 

Esta foi a primeira vez que Moro falou sobre a confusão de soltar ou não Lula. O juiz agiu para manter a prisão do ex-presidente mesmo durante as férias, que terminam no dia 31 de julho deste ano.  

O ex-presidente está preso na sede da PF (Polícia Federal) em Curitiba desde o dia 7 de abril deste ano. Após a decisão de Favreto, Moro, que está em férias, afirmou que o desembargador não tinha competência para contrariar decisões colegiadas do TRF4 e do STF (Supremo Tribunal Federal).

Moro também afirmou que sempre agiu com "transparência nas ações". "Juiz tem uma série de limitações do que pode falar ou não pode falar. A situação já gerou uma apuração do CNJ, o qual eu já prestei informações. Podem me acusar de muita coisa, mas sempre agi de muita transparência nas minhas ações", diz. 

    Access log