Brasil PF mira grupo que cobrava para agir em órgãos púbicos

PF mira grupo que cobrava para agir em órgãos púbicos

 PF iniciou operação que investiga organização suspeita de cobrar de empresários para influir em decisões de servidores públicos 

  • Brasil | Do R7

PF investiga grupo criminoso suspeito de obter vantagens indevidas junto a empresários

PF investiga grupo criminoso suspeito de obter vantagens indevidas junto a empresários

Divulgação/Polícia Federal

 A Polícia Federal iniciou na manhã desta quinta-feira (11/03) a Operação Antessala que investiga uma organização criminosa suspeita de cobrar de empresários em troca de suspostamente influir em decisões de servidores públicos de diversos órgãos de Brasília.

Estão sendo cumpridos sete mandados de busca e apreensão em Brasília, Valparaíso de Goiás, Goiânia e cidades no oeste do Paraná.

O grupo agiria desde 2015. As buscas querem esclarecer se houve envolvimento de servidores públicos ou na verdade o grupo vendia apenas “fumaça” para obter vantagens indevidas junto aos empresários. A investigação é decorrente de colaboração colhida no âmbito da Operação Pecúlio.

Últimas