Brasil PRB declara apoio a João Doria para o governo de São Paulo

PRB declara apoio a João Doria para o governo de São Paulo

Com a coligação, ex-prefeito da capital vai ter 18 minutos e 41 segundos de televisão e rádio, maior tempo entre os candidatos ao governo do estado

PRB declara apoio a João Doria para o governo de São Paulo

João Doria (esq) acompanhado de Marcos Pereira (centro) e Flávio Rocha (dir)

João Doria (esq) acompanhado de Marcos Pereira (centro) e Flávio Rocha (dir)

Edu Garcia/R7 30.05.2018

O PRB (Partido Republicano Brasileiro) declarou nesta quarta-feira (30) que vai apoiar a campanha do pré-candidato a governador do estado de São Paulo João Doria (PSDB).

Com a coligação, Doria terá o maior tempo de televisão e rádio entre os candidatos ao governo, 18 minutos e 41 segundos.

O presidente do PRB, Marcos Pereira, disse que desde março o partido vem analisando três pré-candidatos ao governo que seriam os mais “viáveis” e concluíram que Doria é a melhor escolha.

- Não podemos deixar que São Paulo, que é a locomotiva do Brasil, seja comandado por qualquer pessoa. João Doria provou que tem capacidade para estar no comando.

Doria destacou a importância do PRB no cenário eleitoral.

- É um apoio muito importante para a nossa campanha em vários aspectos. A capilaridade é o primeiro deles, com deputados estaduais, deputados federais, o deputado federal mais votado do Brasil, o Celso Russomanno, vereadores, prefeitos. A importância dessa capilaridade para uma campanha estadual é substantiva.

O ex-prefeito de São Paulo também destacou as semelhanças entre a campanha dele com a campanha do pré-candidato à Presidência do PRB, Flávio Rocha.

- Temos o mesmo sentimento em relação ao Brasil, a economia, ao desenvolvimento social, a visão do setor privado, estado menor e mais eficiente, maior transparência nos procedimentos públicos. Há uma sinergia absoluta.

O pré-candidato à Presidência da República pelo PRB, Flavio Rocha, disse que a opção dele por uma candidatura política foi inspirada em Doria e destacou a sinergia entre os partidos.

Também participaram do evento o deputado Cauê Macris, presidente da Alesp (Assembleia Legislativado do Estado de São Paulo), o deputado Gilmaci Santos, líder da bancada estadual do PRB, Gilberto Kassab, ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, o deputado federal Celso Russomanno, líder da bancada federal do PRB e o prefeito de São Paulo, Bruno Covas.

Alckmin

Marcos Pereira disse que o apoio ao Doria para uma campanha eleitoral não significa apoio ao PSDB em uma campanha nacional.

- Temos um pré-candidato e é Flavio Rocha.

No entanto, Pereira afirmou que é preciso diálogo entre os partidos para evitar com que um candidato de extrema chegue à Presidência.

Questionado sobre quem votaria para presidente, Doria disse que o “o voto é mais pra frente”, mas disse que não há problemas em receber e apoiar um partido, que assim como o PSDB, já tem pré-candidato para presidente da República.

- Nosso palanque é do bem. O palanque do Geraldo Alckmin também é do bem.