Brasil Presidente da RecordTV palestra no Encontro Nacional de Praticagem

Presidente da RecordTV palestra no Encontro Nacional de Praticagem

Luiz Cláudio Costa, presidente da emissora, falou sobre a importância de se combater as notícias falsas

Luiz Cláudio Costa falou sobre a importância de combater as fake news

Luiz Cláudio Costa falou sobre a importância de combater as fake news

Divulgação

Iniciado há dois dias em Foz do Iguaçu (PR), o 42º Encontro Nacional de Praticagem reuniu Práticos de todo o Brasil, além de Práticos da Argentina, do Uruguai, do México e de Portugal. Magistrados das altas cortes do país, parlamentares e o Ministro dos Transportes foram convidados para palestrar neste ano.

Práticos são profissionais responsáveis por conduzir com segurança embarcações que chegam e saem dos portos brasileiros.

O vice-almirante Roberto Gondim, diretor de portos e costas da Marinha do Brasil, representou a autoridade marítima brasileira e falou sobre a relação dos dois setores.

“A atividade da praticagem é imprescindível, eles são tecnicamente muito bem preparados”, afirmou Gondim.

O ponto alto do evento foi a divulgação de parte de um vídeo em que os práticos homenageiam a Marinha. Essa produção completa será exibida na RecordTV no mês de dezembro.

As palestras versaram sobre temas afetos à atividade marítima e os debates sobre assuntos de interesse da comunidade marítima. O presidente da RecordTV, Luiz Cláudio Costa, foi um dos palestrantes e discorreu sobre fake news e sua influência na vida brasileira.

Luiz Cláudio trouxe a importância de se combater as notícias falsas.

“O sistema portuário brasileiro já não consegue ser dos mais eficientes por causa de alguns fatores inclusive econômico de estrutura que impedem que haja mais agilidade. Se deixarmos que notícias falsas se espalhem, prejudicaremos mais ainda essa cadeia produtiva, o comércio internacional do Brasil, a entrada de divisas do nosso país, e claro, atrapalhando a economia. Por esse motivo estamos aqui, no sentido de levar a verdade, pois o jornalismo da Record é pautado pela verdade”, afirmou o executivo.

    Access log