Brasil Tragédia de Brumadinho pode ter mais vítimas que em Mariana

Tragédia de Brumadinho pode ter mais vítimas que em Mariana

Corpo de Bombeiros estima que cerca de 200 pessoas estão desaparecidas. Ministério da Saúde reservou 150 leitos para as vítimas

Rompimento barragem Brumadinho

Cerca de 200 pessoas estão desaparecidas

Cerca de 200 pessoas estão desaparecidas

Divulgação Corpo de Bombeiros MG

Equipe do Comitê de Crise criado para acompanhar o rompimento da barragem de Brumadinho, em Minas, avalia que o desastre do início desta tarde de sexta-feira (25) pode ter proporções maiores do que o acidente ocorrido há três anos, em Mariana.

O risco é de que 1 milhão de litros de resíduos de mineração sejam lançados no meio ambiente. Uma quantidade menor do que os 50 milhões lançados no desastre de Mariana.

Ministério da Saúde reserva 150 leitos para vítimas de Brumadinho

O problema, no entanto, é de que o acidente desta vez atingiu a parte administrativa da Companhia Vale do Rio Doce. Trabalham na unidade 613 pessoas, em três turnos, além de 28 profissionais terceirizados. O receio é de que o número de vítimas no acidente de hoje seja bem mais elevado, sobretudo de funcionários da empresa.

A equipe também acompanha o risco de os dejetos atingirem o Rio Paraopeba. Caso esse cenário se concretize, há a possibilidade de o abastecimento de Belo Horizonte ser atingido. Uma operação de emergência, para envio de água para áreas afetadas pelo abastecimento, já começa a ser desenhada.