Brasília Auxílio Brasil de R$ 600 em 2023 é 'compromisso', diz ministro da Cidadania

Auxílio Brasil de R$ 600 em 2023 é 'compromisso', diz ministro da Cidadania

Ronaldo Bento não confirmou, contudo, que valor será mantido para o próximo ano; benefício começou a ser pago no dia 9

  • Brasília | Plínio Aguiar, do R7, em Brasília

Ministro da Cidadania, Ronaldo Vieira Bento, durante entrevista

Ministro da Cidadania, Ronaldo Vieira Bento, durante entrevista

Marcello Casal/Agência Brasil

O ministro da Cidadania, Ronaldo Bento, afirmou nesta quinta-feira (11) que o Auxílio Brasil de R$ 600 é compromisso prioritário do presidente Jair Bolsonaro (PL), candidato à reeleição nas eleições deste ano. "O Auxílio Brasil é um programa permanente de transferência de renda. Ele não se encerra dia 31 de dezembro, não tem essa previsão. Vai continuar na vida dos brasileiros", afirmou Bento.

Na sequência, questionado se permanecerá para o ano que vem o valor de R$ 600, o ministro não confirmou a informação e disse apenas que é um compromisso. "Quando ele chegou, em dezembro, quando mudou o conceito, já iniciou com o valor mínimo de R$ 400. E agora, com o benefício trazido pela PEC, de R$ 600. Já foi colocado como compromisso prioritário do presidente a permanência desse valor para 2023 e assim sucessivamente", acrescentou.

Pagamento

O Auxílio Brasil de R$ 600 começou a ser pago no último dia 9 de agosto às famílias com Número de Identificação Social (NIS) final 1, após antecipação do benefício em nove dias. Os valores, já disponíveis para consulta nos aplicativos Auxílio Brasil e Caixa Tem, serão depositados diretamente na conta das 20,2 milhões de famílias contempladas até o dia 22, para as pessoas com NIS de final 0.

Os beneficiários podem movimentar os valores pelo aplicativo Caixa Tem, sem a necessidade de ir até uma agência para realizar o saque. Pelo app, é possível realizar compras em supermercados, padarias, farmácias e outros estabelecimentos com o cartão de débito virtual e QR Code.

Confira o calendário de pagamento do Auxílio Brasil:
NIS final 1 – 09 de agosto
NIS final 2 – 10 de agosto
NIS final 3 – 11 de agosto
NIS final 4 – 12 de agosto
NIS final 5 – 15 de agosto
NIS final 6 – 16 de agosto
NIS final 7 – 17 de agosto
NIS final 8 – 18 de agosto
NIS final 9 – 19 de agosto
NIS final 0 – 22 de agosto

Crédito consignado

Diante de uma plateia formada por empresários e banqueiros, Bolsonaro defendeu, na última segunda-feira (8), juros menores do crédito consignado para os beneficiários do Auxílio Brasil e voltou a criticar, sem citar nominalmente, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e o Supremo Tribunal Federal (STF).

"Faço agora um apelo para vocês. Vai entrar o pessoal do BPC [Benefício de Prestação Continuada], do empréstimo consignado, e isso é garantia, desconto em folha, se vocês puderem reduzir o máximo possível, porque estamos atravessando o final da turbulência. É a tranquilidade para levar o governo adiante", afirmou Bolsonaro na ocasião. 

Últimas