Brasília Chegada de manifestantes antecipa interdição da Esplanada

Chegada de manifestantes antecipa interdição da Esplanada

Com a mudança, as vias S1 e N1 ficarão fechadas para passagem de veículos a partir deste domingo (5) e não somente na terça (7)

  • Brasília | Bruna Lima, do R7, em Brasília

Confira como fica o trânsito a partir deste domingo

Confira como fica o trânsito a partir deste domingo

Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal

A Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP-DF) decidiu antecipar o isolamento das principais vias de acesso à Esplanada dos Ministérios, que ficarão fechadas a partir deste domingo (5/9). O motivo da mudança foi a "presença expressiva do número de manifestantes" no local, como detalhou a pasta. 

Com a antecipação, ficam fechadas para a passagem de veículos as vias N1 e S1, da alça leste da Rodoviária do Plano Piloto ao 1º Grupamento de Bombeiro Militar (1º GBM), próximo à via L4. Anteriormente, o isolamento seria feito somente na própria terça-feira (7/9), quando estão marcadas as manifestações. 

A alternativa para o motorista é transitar pelas vias N2 e S2. "Policiais militares estão em toda a área central para garantir a ordem pública e a segurança dos frequentadores", afirma a SSP. Os manifestantes que quiserem se aproximar da área terão que deixar os veículos estacionados na Praça da Cidadania, localizada ao lado do Teatro Nacional. Lá ficarão os ônibus das comitivas, além das motocicletas e cavalos. Haverá área de estacionamento também na parte superior da Rodoviária do Plano Piloto e nos setores de Autarquia, Bancário e Comercial.

A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) realizará linhas de revistas pessoais e bloqueios nas principais vias da Esplanada dos Ministérios e nas proximidades da Torre de TV. Como há manifestações a favor e contra o governo, o policiamento será reforçado para garantir a segurança de cada grupo, havendo áreas diferentes entre eles.

Os manifestantes pró-governo ficarão na Esplanada dos Ministérios, com o ponto de encontro na Biblioteca Nacional e marcha até a Avenida José Sarney, na ligação entre as vias S1 e N1. Todos os ministérios e o Congresso estarão fechados e com barreira policial montada. Já o grupo contra o governo ficará concentrado no estacionamento da Torre de TV, a partir das 8h, ao lado da Praça das Fontes. Os manifestantes caminharão até o Memorial dos Povos Indígenas. 

Segundo o Governo do Distrito Federal (GDF), os locais foram definidos juntamente dos organizadores dos eventos, que se reuniram no Centro Integrado de Operações de Brasília (Ciob) com as forças de segurança que atuarão no 7 de Setembro. "Nos reunimos com profissionais de todos os órgãos de segurança federais envolvidos direta e indiretamente nos eventos, bem como representantes dos manifestantes. A construção em conjunto da estratégia e a integração fazem parte da natureza do nosso trabalho", detalhou o o secretário de Segurança Pública, Júlio Danilo.

Últimas