Brasília CPI investiga jantar de lobistas com filho e advogada de Bolsonaro

CPI investiga jantar de lobistas com filho e advogada de Bolsonaro

Os senadores tentam confirmar a informação de que Jair Renan também teria participado do jantar

  • Brasília | Sarah Teófilo, do R7, em Brasília

Joédson Alves/EFE - 24.02.2021

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19 está apurando um jantar onde estariam dois supostos lobistas que atuaram pela Precisa Medicamentos, a advogada do presidente Jair Bolsonaro, Karina Kufa, e o filho 04 do presidente, Jair Renan. A questão foi amplamente discutida nesta quinta-feira (26/8) em depoimento de José Ricardo Santana, ex-secretário-executivo da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Os senadores apontam que ele teria atuado como lobista da Precisa, assim como o advogado Marconny Albernaz.

Santana foi convocado por essas suspeitas e também porque foi ao jantar em que o ex-diretor de Logística (DLOG) Roberto Dias teria pedido propina de US$ 1 por dose de vacina do cabo da PM Luiz Paulo Dominghetti. Ele disse não lembrar em quais circunstâncias conheceu Marconny.

O senador Humberto Costa (PT-PE) perguntou se a advogada Karina, a quem ele diz conhecer, foi quem os apresentou. Ele reiterou não se lembrar. O presidente Omar Aziz (PSD-AM), então, afirmou que Santana conheceu Marconny na casa de Karina. "Para ser exato, no dia 23 de maio de 2020", completou o vice-presidente Randolfe Rodrigues (Rede-AP).

Calheiros, então, afirmou que a CPI possui um diálogo entre ele em Marconny em que Santana diz o seguinte: "Marconny, foi um prazer te conhecer hoje na casa da Karina. Aliás, ela me passou seu telefone. Obrigado pelo bate-papo agradável. Se eu puder te ajudar em algo, conte comigo. Boa noite". O diálogo, lido por Calheiros, seria de 23 de maio, mesma data do jantar.

Perguntado, novamente, sobre quem estava no jantar, ele respondeu: "Não vou me lembrar quem estava nesse contexto. Como afirmei aqui, conheço o Dr. Marconny, conheço a Dra. Karina Kufa e apenas, muito respeitosamente, não me lembrava em que ambiente eu o tinha conhecido".

O senador Humberto Costa, então, perguntou se nesse jantar estava presente também o filho do presidente da República Jair Renan. "Não é possível que o senhor não lembre", disse. Santana afirmou que não conhece nenhum filho do presidente. "A informação que nos chega é que o filho do Presidente da República Jair Renan estava nessa reunião, nesse jantar, quando V. Sa. teria sido apresentado ao Dr. Marconny", ressaltou Humberto.

Santana disse que conhece Kufa e que tem alguns encontros sociais esporadicamente com ela. “Segundo as mensagens fornecidas pelo Ministério Público a esta Comissão Parlamentar de Inquérito e analisadas pela Polícia Federal, os primeiros encontros entre Ricardo Santana e Marconny Albernaz ocorreram na casa de Karina Kufa, que aproximou esses dois representantes da Precisa”, disse Calheiros.

Últimas