Brasília Governo determina fim do home office para servidores públicos

Governo determina fim do home office para servidores públicos

Portaria publicada pelo Ministério da Economia põe fim às exceções que ainda permitiam o teletrabalho a servidores

  • Brasília | Hellen Leite, do R7, em Brasília

O presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Economia, Paulo Guedes

O presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Economia, Paulo Guedes

Anderson Riedel/PR

O governo federal publicou uma portaria nesta sexta-feira (6) em que convoca todos os servidores públicos federais para a volta total ao trabalho presencial dentro de 30 dias. O documento, portanto, põe fim às exceções que ainda permitiam o teletrabalho a parte dos colaboradores, como os que pertencem a grupos de risco — hipertensos e diabéticos, por exemplo.

A volta ao trabalho presencial na administração pública federal acontece de forma gradual desde outubro de 2021, quando o Ministério da Economia determinou que servidores vacinados e sem comorbidades voltassem a cumprir a jornada de trabalho presencial.

Leia também: Bolsonaro autoriza retorno ao trabalho de grávidas não vacinadas

No entanto, ainda era necessário seguir algumas regras básicas, como ocupação de 50% da capacidade física do prédio, flexibilização do horário de início e término da jornada de trabalho e observância dos protocolos e medidas de segurança.

Últimas