Brasília Ibaneis vai adiar IPTU do comércio próximo ao Túnel de Taguatinga

Ibaneis vai adiar IPTU do comércio próximo ao Túnel de Taguatinga

Decreto prorroga para 2023 pagamento do imposto para lojistas afetados pelas obras

  • Brasília | Alexandre de Paula e Emerson Fraga, do R7, em Brasília

Governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB)

Governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB)

Vítor Mendonça/Jornal de Brasília

Atendendo a uma reivindicação de comerciantes, o governador Ibaneis Rocha (MDB) vai adiar para 2023 a cobrança de IPTU dos lojistas da Avenida Central de Taguatinga afetados pelas obras do Túnel Rodoviário.

“Reconhecendo a dificuldade do comércio da região, mesmo diante de um grande benefício, preferimos dar um apoio importante aos nossos amigos comerciantes. Não podemos deixar de lembrar que o Túnel de Taguatinga, esperado a tanto tempo, é uma das maiores obras de engenharia desse País”, disse o governador.

Desde 27 de julho de 2020, vários comércios baixaram as portas e outros sofreram quedas abruptas nas vendas. Isso por causa do início das obras do túnel, que fizeram com que as únicas opões para quem quer atravessar para a Avenida Central sejam a passarela subterrânea do metrô – que não tem acessibilidade – e o cruzamento da Comercial Norte com a Sul. Nesse cenário, o fluxo de pessoas diminuiu substancialmente.

“A pessoa jurídica regulamente estabelecida em quadra Central de Taguatinga, que comprovar ter sido afetada pela crise econômico-financeira causada pela execução das obras do Túnel Rodoviário de Taguatinga, agravada pela pandemia de Covid-19, poderá ter os prazos para pagamento do Imposto sobre a Propriedade Predial Territorial Urbana – IPTU e da taxa de Limpeza Pública – TLP, incidentes sobre o imóvel regularmente ocupado e utilizado no exercício de suas atividades econômicas, diferidos para 31 de março de 2023, relativa aos fatores gerados ocorridos em 2021 e 2022”, diz o decreto.

Veja a íntegra do texto:

Últimas