Brasília Operação conjunta multa 447 motoristas no DF em dois dias

Operação conjunta multa 447 motoristas no DF em dois dias

Três pessoas foram presas por embriaguez. Condutores sem habilitação e recusas ao bafômetro foram as principais infrações

  • Brasília | Priscila Mendes, do R7, em Brasília

Operação conjunta mobilizou mais de 120 policiais nas rodovias do DF

Operação conjunta mobilizou mais de 120 policiais nas rodovias do DF

Detran/Divulgação

Em dois dias, entre a noite de sábado (30) e a madrugada de domingo (31), a 10ª Operação Força Conjunta multou 447 motoristas nas vias do Distrito Federal. Três pessoas foram presas por embriaguez durante as mais de mil abordagens realizadas pela força-tarefa integrada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER), pelo Departamento de Trânsito do DF (Detran) e Polícia Militar do DF (PMDF).

Dentre as principais infrações identificadas estão condutores dirigindo sem a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e recusas ao teste do bafômetro. Ao todo, 43 veículos foram levados para o depósito por apresentarem irregularidades de trânsito.

O objetivo da integração entre os órgãos é promover segurança viária e atuar na prevenção e redução dos acidentes de trânsito, além de intensificar o enfrentamento à criminalidade. Um foragido da Justiça por homicídio chegou a ser preso durante as abordagens. 

A operação contou com a atuação de mais de 120 agentes em dez pontos de bloqueios ao longo da BR-040 e nas rodovias DF-290, DF-483 e DF-001.

Essa é a décima edição da ação que já ocorreu em Brazlândia, Plano Piloto, Gama, Sobradinho, Samambaia, Planaltina, Ceilândia e São Sebastião. A força-tarefa acontece desde 2020 e cada edição fica sob coordenação de uma das instituições participantes. Desta vez, ficou sob responsabilidade da Polícia Rodoviária Federal.

Bafômetro
De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, a recusa ao teste do bafômetro, quando não há sinais e sintomas de embriaguez, prevê a mesma punição prevista para quem for flagrado dirigindo alcoolizado.

A multa é de R$ 2.934,70 e suspensão do direito de dirigir. Caso o condutor apresente sinais e sintomas de embriaguez, ele é preso mesmo que se recuse a fazer o bafômetro.

Últimas