Brasília PF prende mulher que tentava se passar por médica no DF

PF prende mulher que tentava se passar por médica no DF

A mulher apresentou um documento de conclusão de curso falso para conseguir a inscrição no Conselho Regional de Medicina

  • Brasília | Hellen Leite, do R7, em Brasília

Mulher responderá pelo crime de tentativa de estelionato

Mulher responderá pelo crime de tentativa de estelionato

Pixabay

Uma mulher que tentava se passar por médica foi presa em flagrante nesta quarta-feira (23) pela PF (Polícia Federal) no DF. A suspeita de 33 anos é natural de Teresina, no Piauí, e apresentou uma declaração de conclusão de curso falsa para conseguir registro profissional no CRM-DF (Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal).

Ela foi presa após o conselho acionar a PF ao constatar irregularidades nos documentos. Os policiais federais deram voz de prisão em flagrante e a conduziram à Superintendência Regional para prestar esclarecimentos. A mulher pagou fiança e responderá em liberdade pelo crime de tentativa de estelionato.

Leia também: Médico tem registro profissional cassado após indiciamentos

Em fevereiro, um outro caso de falso médico também chamou a atenção da polícia no Distrito Federal. Um homem foi preso pela Polícia Civil suspeito de se disfarçar de médico para praticar furtos em hospitais. Ao menos nove crimes foram cometidos em unidades de saúde da rede pública.

Polícia prende falso médico por furtos em hospitais no DF em 10 de fevereiro de 2022

Polícia prende falso médico por furtos em hospitais no DF em 10 de fevereiro de 2022

Reprodução

Ele foi identificado depois que uma das vítimas denunciou o furto de um cartão de crédito, que teria sumido enquanto ela era atendida no Hmab (Hospital Militar de Área de Brasília). O suspeito tentou fazer várias compras com o cartão em supermercados da capital.

Ele agia sempre da mesma forma. Para não gerar desconfiança, vestia um jaleco e se apresentava como médico. Assim, conseguia acessar áreas de circulação restrita nas unidades de saúde. Com isso, conseguia agir rapidamente e levar os pertences de pacientes e visitantes. Câmeras de segurança flagraram o suspeito passando tranquilamente pelas catracas com bolsos cheios de objetos furtados.

Últimas