Brasília Policial penal é preso após disparo em frente a um bar do DF

Policial penal é preso após disparo em frente a um bar do DF

Ele foi solto depois de pagar fiança. Servidor foi afastado do cargo e teve o porte de arma suspenso

  • Brasília | Jéssica Moura, do R7, em Brasília

Polícia Militar encontrou local do disparo no asfalto. 27ª DP apura o caso

Polícia Militar encontrou local do disparo no asfalto. 27ª DP apura o caso

Vinicius de Melo / Agência Brasília

Um policial penal foi preso em flagrante na noite de domingo (24) depois de disparar uma arma de fogo no meio da rua. O caso aconteceu perto de um bar na QS 14, no Riacho Fundo I.

Por volta das 21h45, após o disparo, testemunhas ligaram para o 190 e denunciaram o caso à Polícia Militar. Os militares foram até o local e encontraram o servidor público. Ele teria admitido ter efetuado o tiro, mas que tentava evitar uma briga.

Os militares encontraram a marca do tiro no asfalto em frente ao bar. Diante disso, o policial penal foi preso em flagrante e levado para a 27ª Delegacia de Polícia (Recanto das Emas), que apura a situação.

A arma de fogo dele foi apreendida. Na delegacia, foi fixada a fiança de R$ 1,1 mil. O policial pagou o valor e foi liberado.

Procurada, a Secretaria de Assuntos Penitenciários (Seape) informou que o policial foi afastado das funções e teve o porte de arma suspenso até que o caso seja apurado nas esferas criminal e administrativa. "A pasta reitera que não compactua com desvios de conduta por parte de seus servidores", diz a nota.

Últimas