Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Brasília
Publicidade

Prates diz que Petrobras não vai mudar preços dos combustíveis

Presidente da estatal afirmou que ‘não há razão para pânico’ e que empresa monitora cenário internacional

Brasília|Do R7, em Brasília


Petrobras monitora mercado internacional, diz Prates Tomaz Silva/Agência Brasil

O presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, afirmou nesta quinta-feira (18) que não há justificativa para um aumento nos preços da gasolina e do diesel produzidos pela estatal no momento. “Estamos avaliando todas as condições de mercado. Não há razão para pânico nenhum agora. Não há motivo para variação nenhuma por enquanto. Estamos monitorando o cenário internacional. Por enquanto não há nada que faça mover [o preço dos combustíveis] e o próprio preço do petróleo indica isso”, comentou.

A declaração ocorreu durante o lançamento do Mapa de Estaleiros do Brasil, organizado pelo IBP (Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis).

O mercado global está em alerta diante do conflito entre Irã e Israel, o que pode fazer os preços dos combustíveis subirem no Brasil. Isso vai aumentar ainda mais a diferença entre os preços dos combustíveis da Petrobras e os praticados no mercado internacional, provavelmente exigindo um ajuste nos valores da gasolina e do diesel.

A Petrobras não fez nenhum reajuste no preço dos combustíveis em 2024. Na sexta-feira (12), um relatório da Abicom (Associação Brasileira dos Importadores de Combustíveis), apontou que há uma defasagem média de 10% no diesel e de 17% para a gasolina.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.