Brasília Senado pode decidir nesta quarta o retorno da propaganda política 

Senado pode decidir nesta quarta o retorno da propaganda política 

Projeto de lei restaura a propaganda gratuita dos partidos políticos no rádio e na televisão

  • Brasília | Do R7, em Brasília

Plenário do Senado

Plenário do Senado

Waldemir Barreto/Agência Senado

O plenário do Senado poderá aprovar nesta quarta-feira (8) o projeto de lei que restaura a propaganda gratuita dos partidos políticos. O PL 4.572/2019 já tinha sido aprovado pelos senadores, mas sofreu alterações na Câmara e, portanto, voltou ao Senado para a decisão final. 

Entre as mudanças feitas pela Câmara está a proibição ao uso do horário para incitar a violência e o preconceito ou para divulgar material comprovadamente falso (fake news).

A propaganda partidária, que foi extinta na reforma eleitoral de 2017, não tem relação com o horário eleitoral. Trata-se de uma inserção anual garantida aos partidos políticos com registro no TSE (Tribunal Superior Eleitoral). 

De acordo com o texto que será analisado pelo Senado nesta quarta, a propaganda gratuita tem o propósito de incentivar a filiação e promover a participação política de jovens, mulheres e negros. 

*Com informações da Agência Senado

Últimas