Brasília Vídeo: homem é preso por guardar pornografia infantojuvenil no DF

Vídeo: homem é preso por guardar pornografia infantojuvenil no DF

Cerca de 2.000 fotos e vídeos foram encontrados em computadores e celulares na casa de alto padrão do suspeito, em Sobradinho

  • Brasília | Rossini Gomes, do R7, em Brasília

Polícia encontrou espécie de estúdio de filmagens na casa do suspeito, em Sobradinho

Polícia encontrou espécie de estúdio de filmagens na casa do suspeito, em Sobradinho

DIVULGAÇÃO/PCDF

Um homem foi preso nesta quarta-feira (23), em Sobradinho, no Distrito Federal, por armazenar conteúdo pornográfico infantojuvenil. Agentes da Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Cibernéticos, da Polícia Civil, encontraram o material em computadores e celulares na casa de alto padrão do suspeito.

Policiais cumprem mandado na casa do suspeito

Policiais cumprem mandado na casa do suspeito

FOTO: DIVULGAÇÃO/PCDF

Dentro da residência, num condomínio, os policiais apreenderam equipamentos eletrônicos que estariam sendo utilizados na prática do crime.

Foram encontrados cerca de 2.000 arquivos de fotos e de vídeos relacionados à pedopornografia, de acordo com a polícia.

Um dos cômodos da casa foi equipado como uma espécie de estúdio, com equipamentos de filmagem e de iluminação. Veja no vídeo abaixo:

O homem, que trabalha como videomaker, foi autuado em flagrante pelo crime de armazenamento de imagens e vídeos de exploração sexual infantil, previsto no artigo 241-B do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente). Ele foi levado à carceragem da Polícia Civil, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Operação Evil Experient

O mandado de busca e apreensão na casa do suspeito foi feito após a deflagração da Operação Evil Experient (Experiente do Mal, na tradução da polícia). O nome foi escolhido pelo fato de o videomaker ter confessado que tinha experiência de 18 anos em baixar arquivos de pornografia infantojuvenil, contendo vídeos de exploração sexual. As penas para esse crime podem chegar a quatro anos.

Para o crime de disponibilização/divulgação de material de pornografia infantil, previsto no artigo 241-A do ECA, as penalidades podem chegar a seis anos por cada compartilhamento.

Últimas