Brasília Vídeo: mulher sofre agressões de desconhecido na porta de casa no Distrito Federal

Vídeo: mulher sofre agressões de desconhecido na porta de casa no Distrito Federal

O homem chamou a vítima e a acusou de ter batido no carro da esposa dele e fugido; ela tentou argumentar, mas foi agredida

  • Brasília | Luiz Calcagno, do R7, em Brasília

Um homem agrediu uma mulher no portão da casa dela, após acusá-la de bater no carro da esposa dele e fugir, na tarde desta quarta-feira (29). O agressor foi até o local à pé. A vítima relatou que tentou explicar que havia algum engano, pois não existia nenhuma marca de batida em seu carro.

Câmeras de segurança registaram o momento das agressões. O homem parece perguntar de quem é o carro estacionado do lado de dentro.

Os dois conversam por um tempo, ela do lado de dentro e ele do lado de fora. Em dado momento, o agressor consegue segurar a mão da mulher pela grade e a puxa com violência contra a grade.

O agressor puxa a mulher contra o portão por quatro vezes e discute com ela até que a puxa mais uma vez contra as grades e deixa o local. Ela reclama e ele ainda volta, mas a mulher recua para fora do alcance do agressor.

“Ele chegou a pé, falando que eu bati no carro da mulher dele e começou a me agredir”, relatou a vítima. “Se eu tivesse batido em alguém, eu saberia. Começou a me chamar de louca, me agredir verbalmente e depois fisicamente", completou. Ela registrou ocorrência na 12ª Delegacia de Polícia (Taguatinga Centro).

Segundo a vítima, o agressor chegou a rasgar a roupa dela durante as agressões. A mulher, que mora em Taguatinga Norte, teve ferimentos na mão e no tórax, causadas pela agressão e fez exame de corpo de delito. “Eu comecei a pedir socorro e chamar pela polícia e ele disse que tinha minha placa, meu endereço e que iria me matar. Foi aí que decidi procurar a delegacia”, explicou a mulher.

Colaborou, Eliane Souza, da Record TV.

Últimas