Carros Fiat lança novo Uno 2017 a partir de R$ 41.840

Fiat lança novo Uno 2017 a partir de R$ 41.840

Hatch popular recebeu upgrade tecnológico e estreia os novos motores globais Firefly

  • Carros | Do R7 com Ansa

Dianteira ganhou novos para-choque e grade, numa tentativa de tornar o visual mais esportivo

Dianteira ganhou novos para-choque e grade, numa tentativa de tornar o visual mais esportivo

Divulgação/Fiat

A Fiat apresentou nesta quinta-feira (15) o Uno 2017 com retoques visuais e várias novidades eletrônicas e mecânicas. Nesta segunda atualização desde 2011, o hatch estreia a nova família global de motores compactos da marca, batizada de Firefly. O 1.0 de três cilindros segue a tendência do mercado, enquanto o inédito 1.3 tem quatro cilindros.

Ambos os blocos prometem desempenho superior e menor consumo na comparação com os atuais 1.0 e 1.4 flex, ambos da conhecida família Fire. Por sinal, a montadora optou por manter o nome, adicionando o termo fly, de "voar" em inglês. Com preço inicial de R$ 41.840, o Uno tenta se descolar do Mobi, subcompacto lançado em abril.

As seis versões do Uno 2017 (veja abaixo) usam os novos motores, desenvolvidos nos últimos 30 meses. O complexo em Betim recebeu novos equipamentos e passa a ser a mais moderna linha de produção de motores da FCA (Fiat Chrysler Automobiles) no mundo. São 186 robôs e uma capacidade instalada para 400 mil propulsores/ano.

Fiat Uno Attractive 1.0 Firefly Flex M/T — R$ 41.840
Fiat Uno Way 1.0 Firefly Flex M/T — R$ 42.970
Fiat Uno Way 1.3 Firefly Flex M/T — R$ 47.640
Fiat Uno Sporting 1.3 Firefly Flex M/T — R$ 49.340

Fiat Uno Way Dualogic 1.3 Firefly Flex — R$ 51.990
Fiat Uno Sporting Dualogic Firefly Flex — R$ 53.690

Traseira é a mesma de antes, com as lanternas que simulam cubos em três dimensões

Traseira é a mesma de antes, com as lanternas que simulam cubos em três dimensões

Divulgação/Fiat

Segundo a Fiat, os motores Firefly possuem o maior torque dentre os rivais e proporcionam economia de combustível e redução de poluentes. Mas não é só. O Uno 2017 também ganhou upgrade tecnológico robusto, com direção elétrica como item de série e o sistema Start&Stop, que desliga e religa automaticamente o motor em paradas, nos modelos 1.3.

Algumas versões contam ainda com controles de estabilidade e de tração, além do assistente de saída em rampas (Hill Holder) que auxilia na partida em subidas. Todas as tecnologias podem ser acrescentadas desde o Attractive 1.0.

Por dentro, visual mantém o padrão de acabamento mais chique da reestilização anterior

Por dentro, visual mantém o padrão de acabamento mais chique da reestilização anterior

Divulgação/Fiat

O Uno também recebeu pneus mais eficientes e eliminou o tanquinho de gasolina da partida a frio com a adoção de um sistema que garante o arranque com etanol nos dias frios. Já o visual está ligeiramente mais agressivo, com grade e para-choques dianteiros renovados e rodas de liga leve nos modelos Way e Sporting.

A meta da Fiat é vender ao menos 3 mil unidades por mês do popular, o que representaria um crescimento de 5% em relação à versão anterior. Segundo Stefan Ketter, presidente da FCA na América Latina, "o Brasil passa por uma das maiores quedas de mercado de sua história, mas o fundo do poço já foi atingido. A expectativa é de melhora".

Assine já o R7 Play e veja a programação da Record online

Últimas