Cidades Creche onde professoras e crianças foram mortas abriu há 8 anos

Creche onde professoras e crianças foram mortas abriu há 8 anos

CEI Pró-Infância Aquarela, em Saudades (SC), foi ampliada em 2019 e atendia cerca de 70 crianças de seis meses a dois anos

  • Cidades | Do R7

A creche Pró-Infância Aquarela, onde um jovem de 18 anos matou a facadas uma professora e três crianças na cidade de Saudades, no interior de Santa Catarina, foi inaugurada em 2013 com recursos do Programa do Ministério da Educação (MEC) para atender cerca de 70 crianças de seis meses a dois anos. 

Segundo informações da Prefeitura de Saudades, a obra foi iniciada em 2011 e levou quase dois anos para ficar pronta ao custo total de valor de R$ 671.424,90, na época. A creche conta com parque infantil, refeitório, pátios coberto e descoberto, área verde e salas de aula. Em 2019, a creche foi ampliada com a construção de três novas salas, ao custo de R$ 170 mil.

Parte interna da creche Aquarela

Parte interna da creche Aquarela

Divulgação/Prefeitura de Saudades

Últimas