Folha Vitória Aliança de R$ 115 mil! Capixaba Sheyla Hershey fica noiva: "Apoia os peitões"

Aliança de R$ 115 mil! Capixaba Sheyla Hershey fica noiva: "Apoia os peitões"

Modelo, que quer implantar super próteses de silicone nos seios de 12 litros até o fim do ano, comemora nova fase no amor: "Quando a fronteira abrir, vamos fazer uma celebração nas Ilhas Cayman"

Folha Vitória
Foto: Arquivo pessoal/Coluna Pedro Permuy
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória
A modelo Sheyla Hershey e o novo noivo, o empresário Leonardo Brandão: noite de celebração em restô chique de Nova York, nos Estados Unidos

Sheyla Hershey está mais feliz do que nunca! A modelo capixaba que mora nos Estados Unidos ficou noiva na noite deste sábado (11) em um badalado restaurante de Manhattan, em Nova York. Depois de se separar do último marido, a empresária conheceu o atual noivo e não pensou duas vezes ao responder "sim" para o pedido de casamento. 

"Caso em novembro. Com um fofo, maravilhoso! Já estamos nos conhecendo há 6 meses. Queria deixar o caso abafado porque não saberia a reação do público. Temos 11 anos de diferença sendo eu a mais velha. Mas depois que ele disse que me apoia 100% com a cirurgia dos peitões, não pensei duas vezes antes de dizer sim quando a proposta foi feita", declara, em bate-papo exclusivo com a Coluna Pedro Permuy. 

"Estou super feliz com tudo o que está acontecendo, com o meu casamento"

11 anos mais novo que Sheyla, o sortudo é Leonardo Brandão, brasileiro que também mora nos Estados Unidos e é empresário. 

E continua: "A família dele é do Rio de Janeiro e no momento as fronteiras estão fechadas. O casamento será somente no civil e entre amigos, agora, por isso. Quando a fronteira abrir, iremos fazer uma celebração nas Ilhas Cayman. Estou muito feliz!". 

Sheyla aproveitou as redes sociais na noite do noivado para também exibir a aliança de compromisso que ganhou. A coluna, que não é boba nem nada, percebeu que se trata de um modelo da joalheria Tiffany & Co., marca ícone da alta joalheria internacional, que custa 22 mil dólares, o equivalente a mais de R$ 115 mil na cotação deste domingo (12). 

Foto: Arquivo pessoal/Coluna Pedro Permuy
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

CIRURGIA PLÁSTICA NA COLÔMBIA 

A capixaba já se manifestou publicamente sobre a vontade de voltar a ter os maiores seios do mundo, recorde que ela bateu em meados dos anos 2010. Sheyla chegou a ocupar as páginas do Guinness Book, o livro dos recordes, com próteses de 6 litros em cada seio. 

Agora, ela quer colocar 12 litros em cada mama e já se prepara para a série de cirurgias plásticas à que terá se submeter. Primeiro, ela teve que realizar um procedimento cirúrgico para recuperar uma área da coluna que estava desgastada. Após próteses muito grandes por muitos anos e um acidente de carro, Sheyla ficou com um trauma na lombar que a impediria de realizar o novo sonho. 

Agora, já recuperada dessa primeira intervenção, ela começará a aumentar as próteses atuais, que são de quase 2 litros em cada seio. Ela vai dar início ao aumento nos Estados Unidos, onde mora, mas terá que viajar até a Colômbia para chegar aos 12 litros. Isso porque nem todos os médicos realizam implantes tão grandes assim. 

Últimas