Folha Vitória Aulas presenciais da Educação Infantil são suspensas por 21 dias

Aulas presenciais da Educação Infantil são suspensas por 21 dias

Diante do pronunciamento por parte do Governo do Estado, a Secretaria Municipal de Educação de Venda Nova do Imigrante suspendeu as aulas presenciais da Educação Infantil

Folha Vitória

O Governo do Estado anunciou, na tarde deste domingo (14), a suspensão por 21 dias das aulas presenciais da Educação Infantil (de 0 a 5 anos) da rede pública e privada no Estado do Espírito Santo, independente da classificação de risco. A medida foi publicada por meio da Portaria Sesa/Sedu 001/2021, em edição extra do Diário Oficial do ES ainda neste domingo.

A suspensão das aulas foi adotada em decorrência da taxa de ocupação dos leitos pediátricos ser superior a 90% há duas semanas, de tal forma que tal medida se faz necessária neste cenário da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19).

Durante a coletiva de imprensa, transmitida ao vivo pelas redes sociais, os secretários de Estado da Educação, Vitor de Angelo, e da Saúde, Nesio Fernandes, passaram mais detalhes sobre as medidas que visam evitar a expansão da doença.

As escolas que ofertam a Educação Infantil terão até a próxima quarta-feira (17) para se organizarem, visando o cumprimento dos 21 dias de suspensão das aulas presenciais, sem prejuízo ao cumprimento do prazo de suspensão definido neste ato. A medida se aplica a todo o território estadual, independente da classificação de risco aplicada ao município neste período.

A suspensão das aulas na Educação Infantil foi uma decisão tomada em conjunto entre as Secretarias da Saúde (Sesa) e da Educação (Sedu), Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), Sindicato das Escolas Particulares do Estado do Espírito Santo (Sinepe) e União de Dirigentes Municipais do Espírito Santo (Undime).

Diante do pronunciamento por parte do Governo do Estado, a Secretaria Municipal de Educação de Venda Nova do Imigrante se reuniu com os diretores da rede municipal de ensino, e em conjunto, lançaram um comunicado à comunidade escolar. Confira:

Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Últimas